Lei Seca realiza ações no Réveillon e prende dois foragidos da Justiça

Operação teve 1.208 motoristas abordados e 400 multas aplicadas
 

Agentes da Operação Lei Seca, da Secretaria de Governo, realizaram, na primeira madrugada de 2014, ações de fiscalização em nove pontos diferentes nos municípios do Rio e Niterói. No total, 1.208 motoristas foram abordados nas operações. Entre eles, dois foragidos da Justiça, que foram presos.

 

Lei Seca realiza ações no Réveillon e prende dois foragidos da Justiça

 

Na Avenida Alfredo Baltazar da Silveira, no Recreio, os agentes abordaram Leandro da Silva, que não portava a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), nem qualquer documento do veículo que conduzia. Ele se recusou a fazer o teste com o etilômetro e foi levado à 42ª DP (Recreio). Após consulta ao banco de dados, foi verificado que, contra ele, havia um mandado de prisão expedido pela Justiça pelo crime de roubo. O condutor recebeu voz de prisão e foi encaminhado, em seguida, à 16ª DP (Barra), onde o caso foi registrado.

 

Já na rua Marquês de Paraná, no centro de Niterói, Anderson Luiz de Oliveira Pinto, ao ser abordado, também se recusou a fazer o teste com o etilômetro e não apresentou qualquer documento de identificação. Durante a revista, os agentes encontraram um cartão bancário. Passadas as informações à 78ª DP (Fonseca), foi constatado que o cartão pertencia ao condutor e que contra ele, havia um mandado de prisão por extorsão.

 

As blitzes foram realizadas, na última madrugada, nos bairros da Gávea, Jardim Botânico, Lagoa, Centro, Laranjeiras, Flamengo, Recreio, Jacarepaguá e no centro de Niterói. Durante essas ações, 400 motoristas foram multados, 61 veículos foram rebocados, 157 condutores tiveram a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) recolhida, 175 sofreram sanções administrativas e 8, criminais. Ao todo, os agentes realizaram 867 testes com o etilômetro.

 

A Operação Lei Seca é uma campanha de caráter permanente, lançada em março de 2009. Desde então, até a madrugada de 01/01/2014, 1.363.910 motoristas foram abordados, 260.836 foram multados, 53.417 veículos foram rebocados e 103.188 motoristas tiveram a CNH recolhida. Um total de 105.798 condutores sofreu sanções administrativas e 3.387, criminais. Os agentes realizaram 1.190.787 testes com o etilômetro.

 

Governo do Rio

0 comentários