Estado entrega 50 novas moradias para vítimas de enchentes em Petrópolis

Ao todo, serão construídas 4.565 casas na Região Serrana, um investimento total de R$ 437,5 milhões
 

Entrega-de-moradias-PetropolisO Governo do Estado entregou, no sábado (15/2), 50 novas moradias para vítimas das enchentes de 2011 em Petrópolis, na Região Serrana. As casas do Condomínio Marília Cápua, no Vale do Cuiabá, distrito de Itaipava, foram construídas em uma parceria com a Prefeitura de Petrópolis e a iniciativa privada. O terreno foi cedido pelo Instituto da Criança. O investimento do Estado foi de R$ 4,7 milhões, sendo R$ 3 milhões da Secretaria de Obras e R$ 1,7 milhão do Instituto Estadual do Ambiente (Inea).

 

 

O vice-governador e coordenador de Infraestrutura do estado, Luiz Fernando Pezão, que participou da inauguração, disse que até o fim deste ano todas as moradias previstas inicialmente serão entregues.

 

 

“Trabalhamos pesado nós últimos três anos para fazer tudo o que tem que ser feito. E não foi fácil. Foram muitos imprevistos, muitas dificuldades, por causa de falta de terrenos e exigências da lei. Mas, nós vamos entregar até o fim de 2014 tudo o que nós prometemos”, afirmou Pezão.

 

 

Aniversariante do dia, o pedreiro Adalberto Pereira do Amaral, 43 anos, recebeu de presente as chaves do seu imóvel.

“Eu e minha família só estamos vivos graças a Deus. Nós estávamos dentro de casa quando ela desabou. Agora nós queremos recomeçar. Eu estou muito feliz. A casa é linda, o lugar tem uma vista incrível e os vizinhos são todos amigos”, disse Adalberto, que vive com a mulher e três filhos.

 

 

O prefeito Rubens Bomtempo aproveitou a ocasião para anunciar a doação de R$ 8 mil para cada família comprar utensílios domésticos.

“Esse espaço é para vocês cuidarem dos seus filhos e netos, e reconstruírem suas vidas”, destacou.

 

 

O presidente do Instituto da Criança, Pedro Werneck, ressaltou a parceria entre a entidade e o poder público.

“É um momento muito especial na minha vida poder compartilhar com vocês esse sentimento de retorno, de vitoria, depois de tantas dificuldades. A iniciativa do Projeto Nosso Cuiabá é linda e nos permitiu conseguir os terrenos doados por famílias, onde o Estado construiu essas casas. Estou muito Feliz com essa parceria”, ressaltou.

 

 

De acordo com o Secretario de Obras, ao todo, serão construídas 4.565 moradias na Região Serrana, um investimento total de R$ 437,5 milhões, recursos federais e estaduais. Deste total, 1.026 já foram entregues, sendo 966 em Nova Friburgo, 10 em São José do Vale do Rio Preto e 50 em Petrópolis. A este número, somam-se até o momento 1.366 famílias que receberam indenizações para compra de novos imóveis, totalizando 5.931 novas residências para famílias desabrigadas pelas chuvas.

 

 

O Estado, em parceria com o governo federal, está investindo mais de R$ 2,6 bilhões na reconstrução da Região Serrana. Deste total, R$ 415,5 milhões estão sendo aplicados em 94 contenções de encostas nos municípios de Nova Friburgo, Petrópolis e Teresópolis, garantindo a segurança da população. Outros R$ 90 milhões foram destinados para a reconstrução de 84 pontes, sendo que 60 já foram entregues e outras 24 estão em andamento. Os governos estadual e federal ainda disponibilizaram R$ 877,7 milhões para intervenções de recuperação de rios, dragagem, obras para proteção de taludes, recomposição vegetal e implantação de parques fluviais.

 

 

Em Petrópolis, Estado e União investem R$ 270,5 milhões na reconstrução do município. Além das 50 novas moradias, já foram feitas duas contenções de encostas, nas ruas São Sebastião e 14 Bis e outras 10 estão em andamento. O Estado ainda entregou duas pontes – Passarela de Correas e Passarela do Gentio -, e realiza obras de recuperação dos rios Carvão, Piabanha, Cuiabá e Santo Antônio.

 

Agência Brasil

0 comentários