14 de março: Dia Mundial do Sono

Pesquisas feitas pelo Departamento de Transportes Americano mostram que 30% a 93% dos pacientes com algum distúrbio de sono
 

Na sexta-feira, 14 de março é comemorado o Dia Mundial do Sono em todo o mundo. Este evento anual é uma celebração do bom sono e um convite para discussão sobre assuntos importantes relacionados.

 

 

A campanha, coordenada pela Associação Mundial de Medicina do Sono (WASM), tem o tema: “Sono Restaurador, Boa Respiração, Corpo Saudável”, uma mensagem “três em um” que ressalta os fatores de risco para a síndrome da apneia obstrutiva do sono que podem ser prevenidos. Se estiver faltando um ou mais desses elementos, a sua concentração, produtividade, atenção e alerta irão sofrer. Você pode apresentar sonolência diurna, e esse sintoma pode ser perigoso e levar a acidentes automobilísticos.

 

 

Segundo Edilson Zancanella, Especialista em Medicina do Sono e Diretor da Associação Brasileira de Otorrinolaringologia, os distúrbios do sono podem ocasionar em uma série de consequências graves, como alteração da memória, de humor e até cognitivas, além de sonolência diurna, uma das grandes responsáveis pelos acidentes de trânsito.

 

 

Pesquisas feitas pelo Departamento de Transportes Americano mostram que 30% a 93% dos pacientes com algum distúrbio de sono admitem que já adormeceram enquanto dirigiam, dependendo do tipo de distúrbio de sono apresentado. E 24% dos pacientes assumem terem dormido várias vezes enquanto dirigiam e relatam que o fizeram pelo menos uma vez por semana.

 

 

O estudo também apontou que 54% das mortes em acidentes de veículos a motor aconteceram à noite; 36,1% foram fatais e 41,6% do total dos acidentes aconteceram entre 2 e 7hs e das 14 às 17hs, coincidindo com o ciclo circadiano. “A maioria dos acidentes noturnos envolvem um só veículo, o que nos leva a pensar em falta de atenção, fadiga e sonolência como prováveis causas”, enfatiza Zancanella.

 

 

0 comentários