Empresas buscam mão de obra especializada em unidades da rede de ensino

Formado como técnico de Leites e Derivados, Gabriel assumiu a função de analista de laboratório da CCA Laticínios e, com menos de três meses no mercado de trabalho, já recebeu proposta de uma empresa em Minas Gerais
 

Empresas-buscam-mao-de-obra-especializadaA proposta de preparar melhor seus estudantes para o mercado de trabalho  tem levado empresas a procurarem mão de obra dentro das escolas de ensino integral. Ex-aluno do Colégio Comendador Valentim dos Santos Diniz (Nata), Gabriel de Azevedo Pessanha, de 18 anos, foi selecionado pela CCA Laticínios antes mesmo de concluir o 3° ano. A empresa, sediada em Macuco, na Região Serrana, contratou três alunos na unidade no fim de 2013.

Jornada ampliada

 

Formado como técnico de Leites e Derivados, Gabriel assumiu a função de analista de laboratório da CCA Laticínios e, com menos de três meses no mercado de trabalho, já recebeu proposta de uma empresa em Minas Gerais.

“Chegava ao colégio às 7h e saía às 17h30, e hoje vejo como foi benéfico para encarar a jornada de trabalho. As aulas de laboratório, as matérias de microbiologia e físico-química foram essenciais para a função que exerço. O Nata abriu meus horizontes”,  disse o jovem, que mudou de cidade e agora mora no alojamento da CCA.
 

0 comentários