Rio teve o verão mais seco e quente dos últimos 13 anos

A meteorologista Marlene Leal explicou o registro de temperaturas mais elevadas e índices de chuva mais baixos do que o comum para a estação foi semelhante em 2001, 1984 e 1956
 

O verão de 2014, que termina oficialmente nesta quinta-feira (20/03) às 13h57, foi o mais quente e seco dos últimos 13 anos no Rio de Janeiro, de acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). A meteorologista Marlene Leal explicou o registro de temperaturas mais elevadas e índices de chuva mais baixos do que o comum para a estação foi semelhante em 2001, 1984 e 1956.

 

sol-praia-verão-rio-de-janeiro

 

“Isso ocorre devido a uma situação de bloqueio atmosférico, que impede a chegada de frentes frias ao estado. O bloqueio é uma massa de ar bastante intensa que se alongou desde a Região Sul, por toda a Região Sudeste, parte da Região Centro-Oeste, Norte e Nordeste, impedindo o deslocamento das frentes frias vindas da Argentina” explicou ela. “A média de 37,2º [graus Celsius] em fevereiro foi recorde para o verão. Em 1984, a temperatura média foi 37,1°C”.

 

A zona oeste do Rio foi a que mais sofreu com o calor e Santa Cruz foi o bairro com as maiores temperaturas. O Inmet chegou a registrar 40,8 ºC no início de fevereiro, com sensação térmica de aproximadamente 57ºC. A temperatura foi a maior do país. A pesquisadora disse que em 1984 os termômetros marcaram temperaturas mais altas na cidade, chegando a pouco mais de 43ºC.

 

Agência Brasil

0 comentários