PF desmonta esquema de sonegação fiscal

Operação aconteceu nos portos do Rio de Janeiro
 

A Polícia Federal deflagrou uma operação para prender servidores públicos envolvidos em um esquema de sonegação fiscal na importação de mercadoria nos portos do estado do Rio de Janeiro. Desde o início da manhã, os agentes estão em vários bairros da cidade para cumprir oito mandados de prisão e 24 de busca e apreensão. Entre os procurados, estão três auditores da Receita Federal, um guarda portuário, dois empresários e dois despachantes aduaneiros.

Em nota, a Polícia Federal informou que as investigações da Operação Poseidon começaram há um ano. Os investigados são acusados de terem dado um prejuízo de dezenas de milhões de reais aos cofres públicos por sonegação de impostos, pelo contrabando de centenas de toneladas de mercadorias da China que abasteceriam a máfia chinesa em São Paulo.

Segundo a PF, as investigações foram feitas pela Superintendência Regional de Polícia Federal no Rio de Janeiro e conduzida pelas Delegacia de Combate a Crimes Fazendários e Especial de Polícia Marítima, com o apoio da Receita Federal.

 

Fonte: Agência Brasil

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.