Polícia não sairá mais de comunidades pacificadas

Polícia não sairá mais de comunidades pacificadas
 
O secretário de Segurança Pública do Rio, José Mariano Beltrame, disse que a polícia não sairá mais das comunidades pacificadas. "O Estado estará aqui para enfrentar qualquer problema que vier a acontecer”. Segundo ele, cada comunidade tem uma espinha dorsal e ainda há muito a ser feito.
Beltrame participou, no bairro de Santa Teresa, na região central do Rio, de uma festa de cidadania, promovida pela Secretaria de Segurança, que reuniu moradores das comunidades já pacificadas da área. Realizado no Colégio Estadual Monteiro de Carvalho, o evento teve início às 9h e contou com diversas atividades sociais, culturais e esportivas.
 
O secretário abriu a partida final do primeiro campeonato de futebol entre as três comunidades do bairro que abrigam unidades de Polícia Pacificadora (UPPs): Escondidinho-Prazeres, Fallet-Fogueteiro e São Carlos. Os times vencedores nas categorias sub 12, sub 17 e feminino receberam de Beltrame uma taça.
 
Grupos de teatro e de dança das três comunidades se apresentaram na festa, que contou ainda com ações sociais do Programa de Cidadania do Serviço Social da Indústria (Sesi). Foram oferecidos aos moradores serviços como corte de cabelo, emissão e regularização de documentos, oficinas e recreação para crianças.
 
O projeto Novo Olhar, da Fundação Leão XIII, vinculada à Secretaria Estadual de Assistência Social e Direitos Humanos, colocou médicos à disposição dos moradores para a realização de exames oftalmológicos e encaminhamento para cirurgias gratuitas de catarata.

Fonte: Governo do Rio

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.