Prevenção a contaminações pela água da chuva

Prevenção a contaminações pela água da chuva
 

Depois de dar início a uma série de teleconferências para reforçar junto aos profissionais da área de Saúde e gestores municipais a importância do diagnóstico precoce e como tratar doenças como a leptospirose, que geralmente surge após grandes enchentes, a Secretaria de Saúde e Defesa Civil está disponibilizando em seu site um canal de comunicação para que a população tire suas dúvidas sobre os sintomas destas doenças e saiba onde procurar atendimento médico.

Os textos, direcionados ao público em geral, compõem uma cartilha que também está sendo entregue na forma impressa para os municípios distribuírem para moradores de áreas que foram alagadas. Eles trazem informações sobre como ocorre a transmissão das doenças, como deve ser feita a limpeza das casas depois que as águas baixarem, o que deve ser feito com alimentos que foram molhados pelas águas da enchente e como deve ser tratada a água usada para beber e lavar os alimentos.

– O objetivo é orientar a população sobre cuidados para evitar as doenças e onde procurar ajuda quando apresentar os sintomas – explica a subsecretária de Vigilância em Saúde, Natália Alves.
As informações estão em um link que pode ser acessado no lado direito na página inicial do site da Secretaria de Saúde. Lá também foram colocadas informações para os profissionais de saúde, como o fluxo a ser seguido no caso de atendimento a paciente com sintomas das doenças. O material foi preparado por técnicos das subsecretarias responsáveis pelas áreas de vigilância em saúde e assistência.

Além disso, a Subsecretaria de Vigilância em Saúde está capacitando profissionais da área que atuam na rede básica (composta pelos postos de saúde municipais) e hospitais para o atendimento aos possíveis doentes. – A capacitação está ocorrendo por meio das teleconferências. Na primeira, realizada ontem, falamos com os gestores da saúde municipal, mas vamos chegar também até os médicos que atuam diretamente na assistência à população – explica Natália, que ressalta que a próxima teleconferência será realizada nesta sexta-feira (16/4), às 13h30.

Outra frente de ação da Secretaria de Saúde em termos de prevenção às doenças que surgem depois das chuvas é a ida de equipes de técnicos da vigilância em saúde e ambiental até as comunidades afetadas. A missão do grupo, que conta, entre outros profissionais, com sanitaristas e infectologistas, é falar diretamente com os moradores sobre os cuidados a serem tomados. Além de conversar com as pessoas, os técnicos estão distribuindo cartilhas produzidas pela secretaria. Nesta terça-feira (13/4), a equipe esteve no Morro do Bumba, em Niterói.

Fonte: Secretaria de Saúde

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.