Procon autua sete hotéis da Barra da Tijuca

Operação Esquentando os Tamborins vistoriou 12 hotéis na região oceânica do bairro
 

Barra-da-Tijuca-2-vejanomapa

 

O Procon Estadual esteve na Barra da Tijuca na quinta-feira (18/01) realizando uma nova etapa da Operação Esquentando os Tamborins. Os fiscais vistoriaram 12 hotéis do bairro da Zona Oeste do Rio. Destes, sete foram autuados e 36kg e 811g de produtos impróprios ao consumo, descartados.

 

Os fiscais encontraram alimentos impróprios ao consumo em cinco dos sete hotéis autuados. A maior parte dos produtos descartados estava no Hotel Brisa Barra, localizado na Avenida Lúcio Costa, 5.700. Entre os cerca de 12kg de produtos vencidos havia manteiga de ervas, presunto de Parma, tortilha, queijo muçarela, chocolate, frutos do mar, molho de açaí, macarrão, pão de aipim, pão de batata doce, alcaparras, compota de goiabada e molho de maracujá. Outros 2kg e 500g de produtos estavam sem especificação de validade, entre queijo cheddar e azeitona preta. O piso da câmara de congelados da cozinha estava quebrado. Não havia o cartaz informativos sobre a proibição da hospedagem de menor sem o responsável, além dos cartazs da campanha “diga não ao turismo sexual”, do Disque 180 (violência contra mulher) e do Disque 151 (Procon). Também foi constatada a ausência da tabela de preços.

 

Não foram encontradas irregularidades nos seguintes estabelecimentos: Hotel Barra Royalty (Avenida do Pepê, 690); Tropical Barra Hotel (Avenida do Pepê, 500); Ibis (Avenida do Pepê, 56); Novotel (Avenida Lúcio Costa, 5.210) e Transamérica Prime Barra (Avenida Gastão Senges, 395).

 

Balanço da Operação Esquentando os Tamborins

1 – Best Western Premier (Avenida das Américas, 8.585): Ausência do cartaz “diga não ao turismo sexual”; cartaz informando que é proibida hospedagem de criança sem o responsável; ficha de identificação do menor; cartaz do Disque 180 (violência contra a mulher); cartaz do Disque 151; do preço dos quartos e serviços. Produtos vencidos: 334g de bolinho de tapioca; 213g de lombinho; 636g de azeitonas. Produto sem especificação de vencimento: 284g de queijo, 940g de focaccia, 688g de pastrame, 1kg e 430 de aparas de carne, 266g de bacon, 930g de extrato de tomate e 1 litro de leite.

2 – Promenade Paradiso (Avenida das Américas, 487): Ausência do certificado de aprovação do Corpo de Bombeiros. Ausência de quarto adaptado para deficiente. Não disponibiliza nos quartos o mínimo de três preservativos. Ausência de folheto explicativo da prevenção da Aids.

3 – Hotel Barra First (Avenida das Américas, 7.897):
 Ausência de folheto explicativo sobre a prevenção de doenças sexualmente transmissíveis (DST’s). Ausência de ficha de identificação do menor de idade. Ausência da tabela de preços. Ausência do certificado de potabilidade da água. Ausência do certificado de dedetização.

4 – Gaivota Rio Hotel (Avenida Belizário Leite Andrade Neto, 406): 
Produtos armazenados sob refrigeração com a data de validade vencida: 2kg e 400g de massa pronta de macarrão e 2kg e 350g de bacon. Ausência do certificado aprovação dos Bombeiros. Ausência do folheto explicativo sobre a prevenção de DST’s. Não disponibiliza nos quartos o mínimo de três preservativos.

5 – Hotel Entremares (Avenida Érico Veríssimo, 846): 
Produtos fora da validade: 700g de filé de peixe. Produtos sem especificação de vencimento: 200g de cogumelos; 1kg de apara de carne e 300g de molho de tomate. Ausência do certificado de aprovação do Corpo de Bombeiros. Não disponibiliza nos quartos o mínimo de três preservativos. Ausência de folhetos explicativos de prevenção da Aids.

6 – Hotel Laghetto (Avenida Lúcio Costa, 5.650): Produtos vencidos encontrados na câmara: 6kg e 800g de massa de lasanha. Sem especificação de validade: 840g de brioche e 1 litro de leite aberto sem etiqueta e sem tampa de proteção. Ausências do cartaz “diga não ao turismo sexual”, do cartaz informando que é proibida hospedagem de criança sem o responsável, do folheto explicativo de prevenção da Aids, da tabela de preços e da ficha de identificação do menor de idade.

7 – Hotel Brisa Barra (Avenida Lúcio Costa, 5.700):
 Produtos vencidos: 1kg e 200g de manteiga de ervas; 300g de presunto de Parma; 1kg e 600g de tortilha; 500g de queijo muçarela; 700g de chocolate; 2kg e 500g de frutos do mar; 600g de molho de açaí; 1kg e 500g de macarrão; 500g de pao de aipim; 150g de pão de batata doce; 500g de alcaparras; 1kg e 500g de compota de goiabada e 350g de molho de maracujá. Produtos sem especificação de validade 1kg e 400g de queijo cheddar; 1kg e 200g de azeitona preta. Piso quebrado na câmara de congelados na cozinha. Ausência do cartaz informando que é proibida hospedagem de criança sem o responsável; do cartaz diga não ao turismo sexual; do cartaz do Disque 180; do cartaz Disque 151 e da tabela de preços.

 

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.