Publicação da OIT analisa perfil dos jovens

Publicação da OIT analisa perfil dos jovens
 

 O trabalho e a educação são as principais preocupações dos jovens brasileiros atualmente. A constatação está no segundo levantamento “Trabalho Decente e Juventude”, realizado pela Organização Internacional do Trabalho (OIT), em parceria com a Secretaria Nacional de Juventude, da Secretaria-Geral da Presidência da República, e o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).
 O documento foi elaborado no contexto do Projeto de Promoção do Emprego de Jovens na América Latina (Prejal/OIT) e analisa a situação da juventude no Brasil, no período de 1992 a 2006, apresentando alguns dos mais importantes programas desenvolvidos nessa área. O trabalho contou com a colaboração de outros representantes do governo, de organizações de empregadores e trabalhadores e de membros do Conselho Nacional de Juventude (Conjuve). 
A pesquisa vai subsidiar o início da elaboração da agenda brasileira de trabalho decente para a juventude, uma determinação da OIT, agora estendida para a juventude.
   O lançamento da publicação marca a abertura da Oficina Técnica sobre Trabalho Decente para a Juventude, que acontece até quinta-feira (2), na sede do MTE. O objetivo da oficina é iniciar uma reflexão sobre o tema. No dia 4 de junho último, o presidente Luís Inácio Lula da Silva assinou decreto que dispõe sobre a criação de um Comitê Executivo Interministerial para a construção do Plano Nacional de Trabalho Decente do Brasil. O decreto também instituiu um subcomitê para elaborar uma Agenda Nacional de Trabalho Decente para a Juventude.
Fonte: Portal governo brasileiro

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.