Revitalização e Fundo para Áreas Alagadas

Revitalização e Fundo para Áreas Alagadas
 

O estado do Rio de Janeiro passará contar com o Programa de Revitalização e o Fundo de Desenvolvimento das Áreas atingidas por Enchentes no Rio de Janeiro. É o que determina a Lei 5.692/10, de autoria do deputado Sabino (PSC). A lei já foi sancionada pelo governador Sérgio Cabral e publicada no Diário Oficial do Poder Executivo desta segunda-feira (19/04).

Segundo o parlamentar, é fundamental que seja criado um programa coordenado de revitalização das áreas atingidas que congregue as diversas regiões que se encontrem em estado de emergência e calamidade pública ocasionada pelas cheias. “A presente proposta visa a contribuir na reconstrução das áreas devastadas por enchentes, muito ainda terá que ser feito e muitos recursos ainda se farão necessários, mas a ideia principal deste programa é exatamente dar a noção de coesão e coerência na implantação de políticas públicas de reconstrução das cidades atingidas pelas chuvas” disse Sabino.

A nova norma estabelece que ainda que os municípios atingidos por alagamentos sejam atendidos pelo Governo. Mas para que isso aconteça, eles precisarão declarar situação de emergência ou calamidade pública. O estado, em contrapartida, definirá projetos a serem beneficiados, viabilizará recursos tributários ou fontes de financiamento para o programa e coordenará ação integrada com os governos federal e municipal. Os municípios terão a incumbência de gerenciar o programa e de desenvolver políticas sociais complementares, inclusive exigindo dos beneficiados a manutenção dos filhos nas escolas e o zelo com a utilização dos recursos repassados.

 

Fonte: Alerj

0 comentários

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.