Seleção supera equipe de São Tomé

Seleção supera equipe de São Tomé
 

A Seleção Brasileira conquistou diante do time de São Tomé e Príncipe a sua segunda vitória, desta vez de maneira atípica, no torneio de futsal dos II Jogos da Lusofonia. O Pavilhão Atlântico, em Lisboa assistiu à vitória brasileira, por 9 a 2, nesta quarta-feira, dia 15, em uma apresentação sem o brilho e as facilidades da partida anterior. O placar bem mais modesto que o do jogo de estreia, contra Guiné Bissau, quando o Brasil não tomou gols e venceu por 15 de diferença é a melhor tradução para a partida confusa feita pelos brasileiros. Desta vez, os adversários balançaram as nossas redes pela primeira vez no torneio, mas apesar da equipe não ter se acertado em momento algum da partida, sucumbiram diante da tradição dos hexacampeões mundiais de futsal. 
Mesmo dominando o jogo, o time treinado por Marcos Soratto não fazia valer a sua maior técnica e a posse de bola. Logo após abrir o marcador, os brasileiros sofreram o empate. Depois disso, abriram três gols de diferença e foram para o intervalo com a vantagem (4 a 1).
Na segunda etapa, o time de São Tomé e Príncipe fez seu segundo gol e mexeu com os brios dos brasileiros, que apesar do repertório apresentado ter sido bem aquém do que se esperava, fizeram mais cinco gols e fecharam a partida por 9 a 2. Fernandinho e Lukayan, com dois gols cada, foram os artilheiros da partida.
“Estivemos abaixo da crítica. Ninguém jogou bem. Fiz muitas modificações tentando encontrar uma formação ideal, ou, pelo menos, quem não estivesse tão ruim, mas não consegui. Temos que melhorar para a próxima partida”, analisou o treinador, já prevendo o desafio ainda maior contra Angola, nesta quinta-feira, a partir das 13h30 (horário de Brasília), no Pavilhão Atlântico.
JUDÔ – O segundo e último dia de disputas no dojo do Pavilhão Atlântico, em Lisboa, confirmou a força do judô brasileiro nos II Jogos da Lusofonia. Com a conquista de seis medalhas de ouro e duas de prata nesta quarta-feira, dia 15, a modalidade terminou a competição com 11 medalhas de ouro, duas de prata e uma de bronze. Nesta quarta-feira, Carlos Honorato (-100kg), Priscila Marques (+78kg), Filipe Oliveira (-90kg), Nacif Elias (-81kg), Marina Silva (-70kg), Rafael Silva (+100kg) venceram em suas categorias. Natália Bordignon (-70kg) ficou com a prata. O destaque da jornada foi o medalhista de prata nos Jogos Olímpicos de Sydney 2000, Carlos Honorato, que superou Casemiro Bento, de Angola, por ippon, na final da sua categoria.
Nesta quinta-feira, dia 16, a equipe de judô embarca para o Brasil no vôo TP às 5h25 (horário de Brasília). A chegada para o Aeroporto de Guarulhos está prevista para 15h45 (horário de Brasília).
BASQUETE – Após superar a equipe de Cabo Verde na estreia do torneio feminino de basquete dos II Jogos da Lusofonia, o time do Brasil superou as moçambicanas por 58 a 53, nesta quarta-feira, dia 15, no Hockey Club de Sintra. Diferente da primeira partida, quando venceram por diferença de 53 pontos, as meninas treinadas pelo Luiz Cláudio Tarallo tiveram dificuldades contra Moçambique. As duas seleções cometeram muitos erros, e isso foi traduzido no placar baixo.
As brasileiras enfrentam Angola na próxima sexta-feira, dia 17, no mesmo ginásio do Hockey Club, em Sintra, a partir das 12h15 (horário de Brasília).
Nesta quinta-feira, dia 16, a competição de taekwondo distribuirá as primeiras medalhas, a partir das 6h (horário de Brasília), no Pavilhão Atlântico. O vôlei de praia terá suas primeiras eliminatórias nas areias da Praia de Santo Amaro de Oeiras, também a partir das 6h (horário de Brasília). A Seleção Masculina de Basquete enfrenta a Guiné Bissau , no Ginásio do Complexo Municipal dos Desportos de Almada, às 15h (horário de Brasília).

 

Fonte: Textual

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.