Taxista do RJ sem duas vistorias anuais consecutivas terá autorização cassada

A SMTR informa que o prazo é de 30 dias, que não serão prorrogados
 

 

Resolução da Secretaria Municipal de Transportes (SMTR) no Diário Ofical do Município na quinta-feira, 10 de janeiro, determina o início da cassação de autorizações a taxistas que não fizeram duas vistorias anuais consecutivas, de acordo com o artigo 23 da Lei Complementar nº 195/2015.

 

Com listagem de 100 motoristas que não cumpriram a exigência, a SMTR informa que eles têm prazo de 30 dias (que não serão prorrogados) para apresentação de recursos nos postos descentralizados da Secretaria, com a devida documentação para comprovação de suas alegações.

 

Após análise e julgamento dos recursos, a SMTR dará prosseguimento ao processo de cassação.