Unidades municipais de saúde do RJ orientam prevenção e tratamento da Hanseníase

Marcando o Dia Mundial de combate e prevenção da Hanseníase, dia 27 de janeiro, na Cinelândia, unidades de atenção primária da Secretaria Municipal de Saúde (Clínicas da Família e Centros de Saúde), em todo o Rio, até o fim do mês de janeiro terão atividades para chamar a atenção da população sobre a importância da prevenção, diagnóstico precoce e tratamento adequado da doença.
A programação saiu no Diário Oficial do dia 25 de janeiro, com ações que estão sendo desenvolvidas nas unidades da Zona Sul, Grande Tijuca, Região da Leopoldina, Grande Méier, Madureira e adjacências, Realengo e Campo Grande. Desta segunda-feira (28) até o dia 31, a programação ocorre nas regiões de Santa Cruz e Sepetiba.
Essa é uma parceria com a Sociedade Brasileira de Dermatologia do Rio de Janeiro, Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas pela Hanseníase (Morhan), Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Universidade Federal Fluminense (UFF), Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e Santa Casa da Misericórdia do Rio de Janeiro.