Van da Habitação atende 700 pessoas

Atendimento na Central do Brasil é concorrido
 

Nos dois primeiros dias de funcionamento na Central do Brasil, a van da Comissão de Política Urbana, Habitação e Assuntos Fundiários da Assembleia Legislativa do Rio cadastrou 707 pessoas interessadas em participar do programa "Minha Casa, Minha Vida", do Governo federal. Somente nesta terça-feira (14/07), foram 400 atendimentos. "Esse programa vem como um grande facilitador, porque, primeiro, não será feita consulta ao Serasa e ao SPC e, segundo, os trabalhos informais que, por ventura, tenham sido realizados contarão como renda para o interessado. Isso fará com que muito mais gente tenha acesso à casa própria", pontua o presidente da comissão, deputado Alessandro Calazans (PMN). Citada como um dos pontos positivos do serviço, a rapidez no atendimento foi elogiada por quem fez o cadastro – os últimos da fila demoraram menos de 20 minutos para serem atendidos e pessoas idosas ou com algum tipo de deficiência física receberam atendimento especial. O serviço móvel continuará funcionando no local até a próxima sexta-feira (17/07), das 10h às 17h.
Roberto Silva, de 53 anos, foi um dos beneficiados pelo programa. O ambulante, que vive do comércio de balas, quer ter uma casa própria perto do Centro do Rio. "Moro em uma casa muito pequena, alugada com a minha irmã, em uma comunidade perto da Central do Brasil. Preciso que meu nome seja sorteado, para que eu possa morar em minha própria casa", afirmou Silva. A costureira Renata Machado, de 24 anos, assim que soube do atendimento da van através de um noticiário da TV, correu para a Central do Brasil para garantir seu cadastramento. "Moro com meu marido e mais dois filhos em Manguinhos (zona Norte do Rio), em uma casa alugada. Fiz o cadastro na van em menos de um minuto, e eles prometeram que vão me ligar de volta para dar um retorno assim que os sorteios forem feitos", disse Renata, que afirmou ter preferência por morar no bairro de Benfica.
Os interessados em entrar em contato com a comissão também podem fazê-lo pelo Disque Habitação (0800 282 8891), disponibilizado para orientação sobre o programa do Governo federal. O "Minha Casa, Minha Vida" é uma iniciativa do Ministério das Cidades e tem como meta a construção de 1 milhão de moradias para famílias com renda de até 10 salários mínimos, em parceria com estados, municípios e iniciativa privada. Além de viabilizar a casa própria para famílias de baixa renda, o programa pretende impulsionar a economia e gerar empregos. Mais informações sobre o "Minha Casa, Minha Vida" podem ser obtidas pelo site www.minhacasaminhavida.gov.br. As próximas paradas da van da Comissão de Habitação serão a Cinelândia, em frente à Câmara de Vereadores (20 a 24/07), e a sede da Alerj, em frente ao Palácio Tiradentes (27 a 31/07).

 

 

Fonte: Alerj

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.