Via Light terá ampliação

Ligação Baixada chegará a Guadalupe e futuramente Barra
 

Ligação entre o município de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, e a Pavuna, na Zona Norte do Rio, a Via Light (Estrada RJ-081) será ampliada até a altura de Guadalupe, incluindo a construção de dois túneis e viadutos.

Com 10,5 quilômetros de extensão, a Via Light hoje não cumpre o papel de desafogar o tráfego oriundo da Baixada Fluminense. A previsão é que, com a construção, o tráfego de veículos na RJ-081 pularia dos atuais 15 mil veículos/dia para aproximadamente 35 mil carros.
Trabalhando como motorista da linha Nova Iguaçu–Barra da Tijuca há um ano, Alessandro Luiz de Souza, 31 anos, define o tráfego diário como “constantemente pesado”.

– De manhã, de tarde, a Dutra não tem tempo bom. Tem dia que você leva uma hora e meia até a Barra, tem dia que leva três horas. Dia de sexta-feira, então, é o pior dia. A extensão até a Avenida Brasil iria facilitar bastante. Mesmo que a minha linha não passe pela Via Light, muitos carros que seguem pela Dutra e pela Linha Vermelha iriam pela Brasil – diz o motorista, acreditando que a extensão da via ajudaria desafogar o trânsito para os motoristas que saem da Baixada em direção à capital.

O projeto exigirá a construção de dois túneis, um viaduto sobre a Rua Lenir Liberato da Silva, duplicação da Rua Javatá e da Estrada do Camboatá, e a construção de viadutos sobre a Estrada Almirante Santiago Dantas e a Avenida Brasil.

Também está estudo a ampliação da Via Light até Queimados, unindo-a à Rodovia Presidente Dutra, e até a Barra da Tijuca, num projeto da Prefeitura do Rio. A expectativa é que o projeto tenha investimentos de R$ 200 milhões.

Fonte: Site Sérgio Cabral

0 comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.