Início Plantão Rio Bailarinas do projeto da UPP Cidade de Deus ganham sala para ensaios

Bailarinas do projeto da UPP Cidade de Deus ganham sala para ensaios

A dedicação das 70 jovens bailarinas que aprendem a arte da dança clássica nas aulas oferecidas pela Unidade de Polícia Pacificadora da Cidade de Deus foi recompensada. As meninas da comunidade de Jacarepaguá ganharam neste sábado (12/5) uma nova sala de balé, com espelhos e barras fixas, no Ciep Luis Carlos Prestes. As jovens também receberam uniformes e sapatilhas da bailarina Ana Botafogo.

 

Para o secretário de Segurança, José Mariano Beltrame, que também participou da inauguração da nova sala, as aulas de balé realizadas para as jovens da Cidade de Deus consolidam o processo de pacificação na comunidade. Segundo Beltrame, o espaço aumentará as perspectivas das bailarinas.

 

– Projetos sociais como o realizado na Cidade de Deus mostram aos jovens novos caminhos para uma vida melhor, e refletem o verdadeiro conceito da UPP. Além de mostrar novos horizontes, a aula de balé é um importante método pedagógico – afirmou o secretário.

 

Os novos equipamentos foram adquiridos por parceiros privados e o espaço no colégio estadual foi decorado por policiais da UPP Apartamentos. Os uniformes completos, com colãs, meias-calças, saias e sapatilhas, foram doados pela bailarina Ana Botafogo, que acredita que as aulas trarão mais arte e cultura para a comunidade.

 

– Fico feliz em contribuir com esse projeto tão bonito, que abre as portas do mundo da dança para jovens de comunidades. Quando soube da ação, fiz questão de doar os materiais que deixarão as bailarinas lindas, que darão ânimo para o grupo – disse a bailarina.

 

A policial da UPP e professora de balé, soldado Rafaela Malta, dedica dois dias da semana às jovens bailarinas. Com o novo espaço e os uniformes das turmas – divididas em faixas etárias de 3 a 14 anos – o próximo passo será organizar um espetáculo de dança na Cidade de Deus.

 

– As aulas de balé, que acontecem desde o ano passado na comunidade, ajudaram a fortalecer a relação da comunidade com os policiais militares. As doações ajudarão no crescimento técnico das meninas. Agora, vamos arrasar na Cidade de Deus – afirmou a policial e bailarina.

 

Nova sala incentiva pequenas bailarinas

 

O Ciep Luis Carlos Prestes se tornou o segundo lar de talentos como Ana Carolina Ferreira, de 12 anos, Eduarda Brandão, de 11, e Priscila Dias, de 14, que dedicam grande parte do tempo ao balé. Os sonhos das bailarinas são os mesmos: fazer parte de uma importante companhia de dança.

 

– Quero me dedicar ainda mais nas aulas agora que temos uma sala tão bonita e bem equipada. Por mim, viria para as aulas todos os dias. Quero muito realizar o sonho de ser uma grande bailarina como Ana Botafogo – contou Ana Carolina.

 

Para as gêmeas Mayara e Mayra de Almeida, de 10 anos, o balé era um sonho distante, visto apenas pela televisão. Incentivada pela policial e professora Rafaela, as alunas querem ser bailarinas famosas. As meninas estão ansiosas para estrear na nova sala de balé da comunidade.

 

– Estamos ansiosas para vir na próxima aula. Queremos usar nossas novas saias e sapatilhas. São lindas! A sala colorida aumentou a minha vontade de ser bailarina – disse Mayara.

 

Fonte: Gov Estado