Início Plantão Rio Campanha Rio Sem Trauma

Campanha Rio Sem Trauma

Folia sem trauma - foto: Governo do Rio

 

A Praia de Copacabana recebeu ontem o lançamento da campanha Folia Sem Trauma. Não faça deste o seu último Carnaval. A intenção da iniciativa, que está em sua segunda edição, é prevenir acidentes nas rodovias durante o período de Carnaval, época em que a rede hospitalar registra aumento significativo de atendimentos de urgência a vítimas de trânsito. A iniciativa é uma parceria da Secretaria de Saúde e da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia do Rio de Janeiro (SBOT-RJ).

O presidente da SBOT, Paulo Roberto Barbosa, ressaltou que o uso do cinto de segurança nos bancos traseiros e dianteiros é essencial para que mais mortes não ocorram.

– Dirigir é um ato de extrema responsabilidade, por isto a importância de esclarecer à população dos perigos que envolvem este ato. É uma obrigação do motorista seguir as leis de trânsito – afirmou Barbosa.

Segundo a SBOT, os acidentes automobilísticos aumentam nas datas festivas, principalmente no Carnaval, em torno de 20%. Cuidados como o uso do cinto de segurança nos bancos traseiros e dianteiros, não dirigir falando ao celular, seguir as leis de trânsito e a não dirigir após beber são essenciais.

O professor de Educação Física, Artur Medeiros, disse que esta iniciativa é um alerta para que motoristas parem de falar ao celular enquanto dirigem.

– É imprescindível que estas pessoas saibam da gravidade que fazem ao cometer este ato. Elas têm que ter a noção de que não podem fazer isto – afirmou o professor.

No lançamento da campanha, a população participou de um circuito interativo, montado no calçadão, que destacou os riscos e as consequências da condução de veículos por motoristas alcoolizados.

Moradora da Barra da Tijuca, Tatiana Estrela afirmou que o uso da cadeirinha para as crianças no banco de trás ajudou a diminuir os acidentes.

– Esta campanha conscientiza as pessoas dos perigos que elas correm quando não obedecem as leis. A cadeirinha é uma ótima opção para transportar as crianças com segurança. Salvar vidas é o que mais importa – disse Tatiana.

Ação contou com tenda interativa

Um grupo de atores encenou um acidente de carro e tudo o que envolve a perigosa mistura álcool e direção — do resgate das vítimas no asfalto, realizado pelo Grupamento de Socorro de Emergência (GSE), passando pelo atendimento de emergência nos hospitais, ao tratamento do paciente, possíveis sequelas e afins.

A ação também contou com uma tenda interativa, com 12 televisões de plasma, onde o público assistiu a vídeos sobre prevenção de acidentes de trânsito veiculados em todo o mundo e os casos reais noticiados pela imprensa no Brasil. Também era possível ter acesso a dados e estatísticas sobre o tema.

 

Fonte: Governo do Rio