Início Plantão Rio Corpo de Bombeiros forma 140 guarda-vidas

Corpo de Bombeiros forma 140 guarda-vidas

O governador Sérgio Cabral participou, na manhã deste sábado (24/10), no Aterro do Flamengo, da cerimônia para a entrega de certificados a 140 guarda-vidas do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro que irão atuar em praias do estado. Na mesma ocasião, foram entregues à corporação três lanchas de combate a incêndio e salvamento, além de quatro buggies que serão utilizados na supervisão do trabalho preventivo nas praias e no atendimento a emergências, assim como, 19 ambulâncias para utilização por secretarias municipais de saúde da Capital e do Interior, hospitais e entidades filantrópicas. O secretário de Saúde e Defesa Civil, Sérgio Cortes, também participou do evento.
 
Esta turma de guarda-vidas integra parte dos mais de cinco mil novos bombeiros aprovados em concurso público realizado no ano passado. Após sete meses de aulas teóricas e práticas, além do estágio operacional nas praias, os formandos estão aptos a assumirem suas funções.
 
– Nosso Corpo de Bombeiros é um exemplo para o país, pois conta o maior e mais bem preparado efetivo do mundo. Estamos presenciando a formatura de mais uma turma que faz parte da elite do grupamento marítimo. Quando nós assumimos o governo do estado, procuramos dar o suporte necessário para que a corporação cumprisse seu papel junto à sociedade, ampliando o escopo de ações dos bombeiros, sem abrir mão das funções específicas da Defesa Civil – afirmou Sérgio Cabral.
 
Somente na aquisição das 19 ambulâncias, o governo do estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde e Defesa Civil, R$ 3 milhões 262 mil , sendo que 12 dessas ambulâncias foram custeadas pelos recursos do Orçamento da Saúde, e as demais, com recursos diretos do Estado.
 
– Fico feliz de ver essas demandas sendo colocadas em prática e salvando vidas em cidades como Laje de Muriaé; Rio, em especial na Zona Oeste, no bairro de Jacarepaguá; Trajano de Moraes, Vassouras, Sumidouro e São Gonçalo, regiões que realmente são carentes deste recurso – afirmou Sérgio Cortes.
 
Os guarda-vidas desta nova turma ficarão lotados nos quatro grupamentos marítimos do estado (1º GMAR Botafogo, 2º GMAR Barra da Tijuca, 3º GMAR Copacabana e 4º GMAR Itaipu/Niterói, que também atende Maricá).
 
– Quando o Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro assumiu as condições do então chamado Corpo Marítimo de Salvamento, em 1984, um desafio foi lançado para a corporação, que deixou apenas de combater incêndios para fazer, também, socorros urbanos, atuando na proteção da população e desafiando novos mares. É com grande satisfação que testemunhamos o sucesso desta empreitada – disse o comandante geral do Corpo de Bombeiros e subsecretário da Defesa Civil, Cel. Pedro da Cruz Machado.
 
Nova frota As lanchas entregues hoje para o Corpo de Bombeiros são de modelo Challenger, de fabricação norteamericana, medindo 27 pés e equipadas com GPS, profundímetro, sonar e outros instrumentos de alta tecnologia. As embarcações contam, ainda, com um esguicho canhão que é controlado por instrumentos da cabine ou por sistema móvel do tipo wireless.
 
Já os buggies foram adquiridos por meio do Projeto Botinho, do Corpo de Bombeiros, com apoio da Petrobras. O reaparelhamento da corporação teve início em 2007, quando a instituição recebeu um helicóptero multimissão, uma lancha, dez motocicletas, dez picapes e 82 ambulâncias. Neste mesmo ano, os bombeiros receberam também equipamentos de combate a incêndio e salvamento, como compressores de ar comprimido, desencarceradores para o resgate de vítimas presas em ferragens e máscaras especiais para mergulho, que possibilitam que os mergulhadores conversem debaixo d’água.
 
Também foi disponibilizada para a guarnição uma plataforma de 90 metros de altura, capaz de alcançar o topo de um prédio de 30 andares. Já em fevereiro deste ano, a corporação recebeu outro helicóptero Esquilo multimissão, que pode ser usado no transporte de tropas e pacientes, combater incêndios em florestas e em ações de salvamento marítimo.

Fonte: Secretaria de Saúde e Defesa Civil