Início Destaque Crivella anuncia reabertura de shoppings para o dia 11 de junho na...

Crivella anuncia reabertura de shoppings para o dia 11 de junho na cidade do Rio de Janeiro

O horário será de 12h e 20h

O prefeito Marcelo Crivella anunciou na quarta-feira, dia 10 de junho, a antecipação da reabertura dos shoppings para amanhã, antes do previsto pelo plano de retomada gradual. De acordo com o planejamento para a reabertura econômica na cidade, os estabelecimentos precisarão se adequar às novas restrições e o funcionamento será com o horário reduzido, de 12h às 20h.
Os shoppings só teriam permissão para a reabertura na segunda fase da retomada econômica da cidade, marcada para o dia 16 de junho. Ações foram divididas em seis fases. No entanto, Crivella informou que após uma reunião com a Vigilância Sanitária, a data foi adiantada. “A vigilância sanitária solicitou que adiantássemos a abertura dos shoppings da nossa cidade, são cerca de 30. Os líderes desses estabelecimentos estiveram em reunião conosco para estabelecer um acordo, e todos eles aceitaram as regras”, disse.
Dentre as mudanças determinadas por Crivella estão os estacionamentos funcionando apenas com um terço da capacidade, as praças de alimentação fechadas para consumo no local, restaurantes funcionando apenas por serviços de delivery, take away e drive thru. Além disso, as áreas de lazer, festa e jogos permanecem fechadas.
Crivella destacou que a reabertura precisa ser feita com cautela e seguindo todas as regras para o funcionamento dos estabelecimentos. Ele também recordou a liminar publicada que impedia a retomada dos centros comerciais na cidade.
“É muito importante que entendam que precisamos considerar a questão da vida. Esse faseamento do nosso retorno já teve problemas com a justiça. Logo que anunciamentos as aberturas o Ministério Público entrou com uma liminar e suspendeu”, disse.
A permissão da Justiça do Rio para reabrir os shoppings foi publicada na noite desta terça-feira, pelo presidente do Supremo Tribunal de Justiça. Crivella defendeu que todo o processo é feito baseado em um protocolo científico e disse que caso os números de mortes voltem a subir os shoppings serão fechados novamente.
A prefeitura também instaurou uma medida chamada de “Regras de Ouro” para manter o funcionamento dos estabelecimentos. Dentre as regras estavam a divulgação das informações  sobre medidas básicas de prevenção e combate à covid-19 para empresários, comerciantes, profissionais liberais, funcionários e colaboradores de atividades comerciais.