Início Plantão Brasil Cuidado ao coçar demais os olhos

Cuidado ao coçar demais os olhos

Pessoas alérgicas a pó, pólen e poluição geralmente ficam ainda mais sensíveis nesta época do ano. Além dos sintomas relacionados ao aparelho respiratório, pálpebras e cílios podem coçar tanto que, além de ferir a pele ao redor dos olhos, acabam desencadeando até mesmo uma infecção ocular.  

“Pálpebras e cílios protegem os olhos de corpos estranhos, mantendo a córnea lubrificada. Tanto é assim que os olhos piscam mais frequentemente quando algum agente irritante entra em contato. Aos primeiros sinais de irritação em torno dos olhos, é importante tomar medidas que contenham o avanço do problema e procurar um oftalmologista se a coceira persistir. Crianças alérgicas, inclusive, estão mais sujeitas a desenvolver ceracotone (doença degenerativa do olho)”, diz o doutor Renato Neves, diretor do Eye Care Hospital de Olhos (SP). 

Na opinião do médico, é importante que o paciente aprenda a identificar os agentes que mais facilmente irritam seus olhos, a fim de evitar desdobramentos, como inflamação e infecção ocular. “Além da poluição atmosférica, principalmente nos dias mais quentes e secos do ano, a pessoa deve checar se a coceira não é proveniente do uso de algum xampu, cosmético ou maquiagem”. 

Delineador, lápis, rímel, sombra e pó compacto, por exemplo, podem ser tão agressivos a determinadas pessoas que acabam desencadeando conjuntivite. Isso também acontece quando os olhos entram em contato com alguns tipos de xampu e condicionador.  

Lavar os cílios com uma gota de xampu neutro para tirar qualquer resíduo prejudicial aos olhos, usar compressas geladas, pingar lágrimas artificiais para lubrificar bem o cristalino, tirar as lentes de contato antes de dormir, usar óculos escuros sempre que estiver ao ar livre e selecionar maquiagem de boa procedência – tomando cuidado de remover antes de dormir – são algumas medidas que contribuem para aliviar a coceira.  

“A pessoa mais propensa a alergias deve se habituar a lavar bem o rosto antes de dormir – de preferência com um sabonete infantil, mais suave – e enxaguar os cabelos sempre com a cabeça inclinada para trás, jamais para frente. A correta higiene dos olhos não deve ser negligenciada nunca, já que o fato de coçar demais os olhos pode contribuir para a contaminação por alguma bactéria oportunista”, diz o médico. 

Fonte: Dr. Renato Neves, médico oftalmologista, diretor do Eye Care Hospital de Olhos (SP) – www.eyecare.com.br

 

Fonte: Press Página