Início Plantão Barra Curso de desenvolvimento de games forma 150 alunos das Naves do Conhecimento

Curso de desenvolvimento de games forma 150 alunos das Naves do Conhecimento

 

Os 150 alunos do curso “Introdução ao Desenvolvimento de Games”, realizado nas Naves do Conhecimento administradas pela Prefeitura do Rio, serão diplomados neste sábado (01/07), na Nave do Conhecimento Cidade Olímpica, após dois meses de treinamento. O módulo concluído é o primeiro passo para formações profissionais específicas nas áreas de Programação, Design, Áudio e Desenvolvimento de Projetos Digitais. Coordenada pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento, Emprego e Inovação (SMDEI), a iniciativa tem como propósito estimular as novas gerações a conhecer e se aprofundar neste mercado, por meio dos novos cursos oferecidos nas Naves do Conhecimento. 

 

 

A nova programação pedagógica faz parte da reestruturação destes equipamentos, com inclusão da Economia Criativa na pauta das naves.

 

– O mercado de games cresce de maneira exponencial no mundo inteiro, e o estímulo à Economia Criativa, à Inovação e ao Desenvolvimento Tecnológico aparecem como oportunidade para os jovens das comunidades atendidas pelo projeto. A partir de um novo olhar, adquirem conhecimento e assim podem conquistar melhores empregos e melhor qualidade de vida – explicou a secretária municipal de Desenvolvimento, Emprego e Inovação, Clarissa Garotinho.

 

 

O projeto Naves do Conhecimento visa a democratização do acesso à informação e ao conhecimento de novas formas de aprendizagem em ambientes colaborativos e criativos, promovendo a mediação da informação qualificada e o desenvolvimento de competências necessárias a todos na sociedade do terceiro milênio.

 

 

Estão localizadas em nove regiões das zonas Norte e Oeste: Santa Cruz, Vila Aliança, Padre Miguel, Irajá, Penha, Madureira, Nova Brasília, Triagem e Engenho de Dentro.

 

 

As Naves do Conhecimento são uma iniciativa da prefeitura e estão sob a administração da SMDEI. Desde 2011, as naves já realizaram mais de três milhões de atendimentos, com 200 mil pessoas cadastradas e 60 mil participantes em cursos e atividades de formação.

 

 

Desde janeiro, o foco social das naves está voltado à ampliação da conectividade digital; democratização do acesso ao mundo digital; produção e prestação de serviços comunitários; qualificação de jovens e adultos em Tecnologia da Informação; ao apoio ao empreendedorismo; e às startups nos setores de Economia Criativa e de Inovação Tecnológica.

 

 

O conteúdo programático das Naves do Conhecimento, planejado para ser inserido ao longo do ano, inclui novos cursos e atividades de formação que estimulem e promovam o Empreendedorismo e a Economia Criativa. São eles: Design, Computação gráfica (Animação), Games, Aplicativos para celular, Robótica, Informática, Suporte e manutenção de redes, Programação, Gerenciamento de redes sociais, Webdesign, Drones, Fotografia, Vídeo, Áudio, Edição e Inglês.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here