Início Plantão Brasil EBC protesta contra agressão sofrida por repórter da Agência Brasil em Niterói,...

EBC protesta contra agressão sofrida por repórter da Agência Brasil em Niterói, RJ

A Empresa Brasileira de Comunicação – EBC publicou uma nota condenando o ato de violência contra o repórter Vladimir Platonow, da Agência Brasil, agredido na noite de quarta-feira (19/6) por seguranças do Terminal Rodoviário Presidente João Goulart, no centro de Niterói (RJ), enquanto fazia a cobertura da manifestação contra o aumento das tarifas de transporte público.

 

 

De acordo com a Agência Brasil, Platonow foi medicado e passa bem. Na quinta-feira (20/6), o jornalista registrou queixa contra os agressores na 25ª Delegacia de Polícia, bairro do Rocha, na zona norte do Rio. Ele fez também exame de corpo de delito no Instituto Médico-Legal. O laudo será encaminhado à delegacia.  “A EBC defende que seus profissionais devem ser respeitados e jamais impedidos do livre exercício do jornalismo”, diz a nota da EBC.

 

 

A assessoria de imprensa do Consórcio Teroni, que administra o terminal, informou que foram analisadas as fotos feitas por Platonow, registrando os agressores, mas afirmou que os responsáveis pelo ataque não são funcionários da concessionária e ressaltou que a empresa é contra atitudes violentas.  Em nota, a assessoria ainda destacou que não contrata policiais militares para prestação de serviço e que os seus seguranças “não trabalham armados, não usam cassetetes e nem qualquer tipo de arma”.

 

 

O consórcio lamentou atos isolados de vandalismo praticados por pequenos grupos e a violência contra o jornalista Vladimir Platonow, acrescentando que apoia protestos pacíficos e repudia qualquer tipo de ato violento.