Início Plantão Rio Editais inéditos da Faperj incentivam química verde e dão mais segurança a...

Editais inéditos da Faperj incentivam química verde e dão mais segurança a tratamentos clínicos

A Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro lançou dois editais inéditos nesta quinta-feira (31/05), que totalizam investimento de R$ 3 milhões. O programa de Apoio à pesquisa científica e tecnológica em Química Verde – 2012 tem o objetivo de criar processos industriais que reduzam ou eliminem o uso e a geração de substâncias nocivas à saúde humana e ao ambiente. Já o edital de Apoio à realização de ensaios clínicos em instituições sediadas no estado do Rio de Janeiro – 2012 vai contemplar testes de segurança e/ou eficácia de procedimentos e tratamentos previamente estabelecidos em ensaios pré-clínicos.

 

 

Química em prol do desenvolvimento sustentável

O primeiro edital conta com recursos de R$ 1,5 milhão e vai contemplar até 30 propostas. Com esta verba, será possível custear a aquisição e manutenção de equipamentos, a execução de pequenas obras de infraestrutura e despesas de custeio.

 

Para o ex-presidente da Fundação Peter Seidl, um dos grandes incentivadores para o lançamento de um edital nessa área, o programa é auspicioso para a química brasileira.

 

– O edital coloca o Rio de Janeiro na liderança de um movimento que se reflete na realização da Conferência das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável Rio + 20, trazendo para o estado uma visão mundial sobre o tema e proporcionando uma oportunidade única para estabelecer laços com países, organizações e pessoas com objetivos comuns – diz.

 

Ele lembra que o País levou certo tempo para estabelecer uma estratégia para integrar processos químicos ao desenvolvimento sustentável e à distribuição de renda, mas que a recente publicação de Química Verde no Brasil: 2010 – 2030 serve de guia para a atuação do governo, empresas e academia.

 

O prazo para submissão de propostas se estende até o dia 30 de julho. A documentação impressa do projeto deverá ser entregue até o dia 3 de agosto, e a divulgação dos resultados está prevista para ser realizada a partir de 13 de setembro.

 

Mais segurança nos tratamentos clínicos

Também com R$ 1,5 milhão, o outro edital lançado vai financiar projetos voltados para a realização de ensaios clínicos (Fases I e II) em seres humanos. Para tanto, o programa custeará testes de segurança para tratamentos, cujos resultados em ensaios pré-clínicos, in vitro ou com animais, comprovem que podem ser realizados com segurança em humanos e que demonstrem, dessa forma, impacto ou beneficio na qualidade de vida e na saúde da população.

 

O projeto deve ainda refletir o caráter inovador do novo procedimento ou terapia em relação aos atualmente existentes na prática clínica, com ensaios pré-clínicos já concluídos respaldando a proposta apresentada.

 

Os recursos para cada projeto contemplado serão de até R$ 150 mil. Os projetos poderão ser inscritos até o dia 6 de agosto, e a documentação impressa da proposta deverá ser entregue até o dia 10 do mesmo mês. A divulgação dos resultados está prevista para ser feita a partir de 13 de setembro.

 

Vinte e sete editais lançados no ano

Com mais estes dois editais, a Faperj completa 27 lançamentos em 2012, alguns deles inéditos, como estes.

– Programamos lançar um grande número de editais este ano, de modo a contemplar todas as áreas de conhecimento e setores de atividade profissional. Como vínhamos esperando, a demanda tem sido altamente qualificada e continuamente crescente – diz o presidente da Faperj, Ruy Garcia Marques.

 

Fonte: Governo do Rio