Início Cultura Empreendedor de Artes Marciais investe em colchão para práticas esportivas para aumentar...

Empreendedor de Artes Marciais investe em colchão para práticas esportivas para aumentar receita

Reinvenções no período de pandemia vão além do mergulho definitivo no mundo digital. A clichê frase “nas crises que surgem as oportunidades” cai como uma luva desde março de 2020 quando o Brasil passou a conviver com o isolamento sócio comercial em função da Pandemia da Covid-19. Receitas perdidas nos mais diversos setores do mercado causando um cataclismo nas relações sócio econômicas das cidades e, sobretudo, dos micro e pequenos empreendedores, categorias que mais empregam no país.
Sócio proprietário da Ápice Fight School, pequena empresa atuante no segmento esportivo no nicho de Artes Marciais para convênios com escolar particulares oferecendo sete modalidades de combate, e idealizador do projeto social Samurais do Morro, que acontece no Morro do Tuiuti, em São Cristóvão, na capital fluminense, desde setembro deste ano, Cláudio Carelli acaba de incrementar um produto no ser portfólio. Ele inicia a produção de um colchão altamente resistente que ameniza os impactos dos golpes possibiltando a execução plena dos mesmos.
Cláudio Carelli lançou a marca Samurai Nage com intuito inicial de atingir o mercado esportivo, mas o produto apresenta forte potencial de penetração para outras áreas, como a Médica, por exemplo. Clubes, creches, centros geriátricos, hospitais, estabelecimentos de fisioterapia são áreas que sugerem negociações futuras. A expectativa do empreendedor é faturar 80% em 2021 com as vendas dos colchões, e gradativamente, recuperar a queda de 60% do faturamento em 2020.
“O colchão poderá ser feito em qualquer medida de comprimento e de espessura com zíper lateral e nas cores primárias (azul, amarelo e vermelho) com alças para transporte ou não, dependendo, da vontade do cliente. Pode ser personalizado com a logo da sua empresa. A lona que envolve é de alta resistência, impermeável e de fácil higienização. A espuma do colchão absorve muito o impacto devido a sua densidade, e a tela lateral para descompressão do ar sendo prazeroso cair no colchão”, explica do empreendedor.
Para um melhor aprimoramento e aproveitamento da técnica das Artes Marciais que a Ápice Fight School criou o colchão Samurais Nage. Segundo Cláudio Carelli, o judô é um esporte de muita maçante pelo fato de ter muitas quedas, e o colchão foi pensado para levar o lúdico e o prazer do treinamento objetivando a execução plena dos golpes e condicionando o cérebro para a realização dos movimentos de forma perfeita.
“Além do colchão Samurai Nage, a Ápice Fight School também produz colchões das mais diversas geometrias e formatos para o desenvolvimento da psicomotricidade. A psicomotricidade é muito importante na escola, pois trabalha na prevenção de problemas de dificuldades de aprendizagem relacionados à: afetividade, leitura e escrita, matemática, atenção, lateralidade, dominância lateral, funções cognitivas, socialização e trabalho em grupo”.
Fonte: Fabio Lacerda – Jornalista / Assessor de Imprensa / Marketing