Início Destaque Escolas estaduais de referência abrem mais de 80 mil vagas no ensino...

Escolas estaduais de referência abrem mais de 80 mil vagas no ensino integral

Matrícula começa nesta segunda-feira para unidades como Nave, E-Tecs, interculturais, cívico-militares, técnicas e outras profissionalizantes

Estudar de graça e em tempo integral em escolas de excelência, aprender novos idiomas, ter mais chances de aprovação em concursos públicos e vestibulares e ainda garantir certificação profissional. Para milhares de estudantes que sonham com um futuro melhor, a oportunidade é agora. Nesta segunda-feira, começa a primeira fase da matrícula na rede estadual de ensino do Rio de Janeiro para novos alunos e para aqueles que desejam mudar de escola ou os que perderam o prazo de renovação.

São mais de 80 mil vagas em mais de 400 unidades de ensino integral, com oportunidades nas escolas interculturais apoiadas por 18 países, nas Escolas de Novas Tecnologias e Oportunidades (E-Tecs), nas unidades cívico-militares, além de escolas com Itinerários de Formação Técnica e Profissional, como o Nave (C.E. José Leite Lopes que integra o Núcleo Avançado em Educação), na Tijuca, e o C.E. Hebe Camargo, em Pedra de Guaratiba, que oferecem, respectivamente, o curso profissionalizante de Programação de Jogos Digitais e Multimídias e Técnico em Telecomunicações, em parceria com as empresas Oi e Claro.

Para essas e todas as demais 1,2 mil escolas estaduais do Rio de Janeiro, a pré-matrícula é totalmente on-line e estará aberta a partir das 8h, no site Matrícula Fácil (www.matriculafacil.rj.gov.br). Caso o responsável ou aluno (se maior de idade e capaz) não tenha acesso à internet, poderá comparecer à unidade escolar para realizar a renovação. O prazo das inscrições vai até o dia 14 de dezembro.

Ex-aluno da rede estadual, o governador Cláudio Castro, lembrou sua passagem pelo ensino público e apoia o ensino integral como oportunidade de mais aprendizado.

– Eu fui aluno da rede estadual e hoje sou governador do estado. Prova de que o ensino público de qualidade transforma vidas. Por isso o meu conselho é para que as famílias fluminenses matriculem seus filhos nas escolas estaduais de tempo integral. Que abracem essa oportunidade, inclusive de estudar nas escolas interculturais como a Brasil-Alemanha que está sendo aberta este ano em Petrópolis – declarou o governador.

Para a secretária de Estado de Educação, Roberta Barreto, a educação integral oferecida por essas unidades possui os mais altos indicadores de qualidade.

– Estas escolas têm os menores índices de evasão e os melhores desempenhos no Ideb. Muitos dos nossos jovens chegam às universidades, conseguem bolsas de estudo no exterior e saem bem mais preparados para o mercado de trabalho, muitos até com ofertas de emprego – afirma a secretária.

Os interessados deverão acessar o site Matrícula Fácil e verificar a oferta de escolas, séries, cursos e turnos disponíveis, como e quando confirmar a matrícula na escola. No ato da inscrição, o candidato deve escolher entre três e oito opções de escola/turno. Os estudantes serão alocados obedecendo aos seguintes critérios do Estatuto da Criança e do Adolescente, na seguinte ordem:

1 – preferência à pessoa com deficiência;

2 – preferência para crianças e adolescentes até 18 anos incompletos;

3 – permanência na Rede Pública de Ensino;

4 – proximidade da residência;

5 – em caso de empate, a prioridade será para o aluno mais novo.

No dia 29 de dezembro, o resultado da alocação será divulgado no site Matrícula Fácil. O responsável – ou o aluno maior de 18 anos – deverá, então, comparecer à escola, no período de 16 a 19 de janeiro de 2023 e realizar a confirmação da matrícula. A Ficha de Conclusão da Inscrição informará a documentação necessária a ser apresentada no momento da Confirmação de Matrícula, na escola onde o candidato for alocado.

SERVIÇO:

– De 27/11/2023 (a partir das 8h) a 14/12/2023: A 1ª Fase da Matrícula Fácil 2024, inscrições online em www.matriculafacil.rj.gov.br

– Dia 29/12/2023: Resultado da alocação da 1ª Fase da Matrícula Fácil 2024

– Relação nominal (Respeitando a LGPD) – www.seeduc.rj.gov.br

– Consulta individual – www.matriculafacil.rj.gov.br

– De 16/01/2024 a 19/01/2024: Confirmação da 1ª Fase da Matrícula Fácil 2024, na unidade escolar.

Alunos visitando o Corpo de Fuzileiros Navais. Ao centro o comandante da unidade Lourenço. Imagem: Ellan Lustosa/Seeduc-RJ

Aprovados no concurso do Corpo de Fuzileiros Navais

Alunos do Colégio Estadual Sargento PM Antônio Carlos Oliveira de Moura, em Araruama, Jany dos Santos, de 18 anos, e Samuel Ribeiro, de 17, foram aprovados no concurso do Corpo de Fuzileiros Navais da Marinha do Brasil, após cursarem o Ensino Médio Integral na modalidade cívico-militar. Este segmento conta com uma parceria com a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros Militar em 16 unidades no estado.

– Temos matérias amplas, mais tempo para estudar, muitas aulas práticas e novas amizades. Tudo isso faz com que o ensino seja melhor – destacou Samuel.

Os dois estudantes já realizaram todas as etapas do concurso militar e aguardam apenas a convocação final, que deve ocorrer em poucos dias. Se for chamada, Jany dos Santos, que é filha de uma professora e um pintor automotivo, irá integrar a primeira turma de mulheres fuzileiras navais, fazendo história tanto na Marinha quanto em sua unidade.

– Com tudo que aprendi aqui, eu consegui vencer uma grande etapa da minha vida e que é importante para minha família também, ser aprovada no concurso do Corpo de Fuzileiros Navais. Estou muito ansiosa – contou Jany.

Alunos visitando o Corpo de Fuzileiros Navais. Ao centro o comandante da unidade Lourenço. Imagem: Ellan Lustosa/Seeduc-RJ

Estudante da E-Tec Mané Garrincha vence concurso com irrigador automático

Matheus da Silva, aluno da 2ª Série do Ensino Médio, da E-Tec Mané Garrincha, em Magé, foi o vencedor do prêmio Glocal Robótica: Transformando Ideias em Ações Sustentáveis, nas categorias robótica, sustentabilidade e ações de integração em torno da comunidade escolar. Ele montou um irrigador automático para hortas, usando materiais de robótica e a sala equipada da escola.

– Estudar em uma E-Tec é ter uma chuva de oportunidades. Aqui, eu aproveito meu tempo livre, que estaria desperdiçando em casa, para aprender – disse Matheus, durante a premiação do evento que aconteceu entre os dias 22 e 25 deste mês, na Marina da Glória.

O protótipo criado pelo aluno conta com um sensor que faz a leitura da umidade do solo a cada cinco segundos. Se estiver abaixo de 30%, o sensor aciona o irrigador, mantendo sempre a umidade exata que a planta precisa para crescer.

Ex-aluno de intercultural ganha bolsa para estudar na Espanha

Com o espanhol bem afinado, João Victor Pereira, ex-aluno da unidade Intercultural Brasil-Espanha, aproveitou a parceria da escola com o Consulado Espanhol e garantiu uma bolsa por meio do programa “Bolsa de Talentos” para estudar na Espanha. De origem humilde, o carioca concluiu o Ensino Médio no Colégio Estadual Hispano Brasileiro, no Méier, e atualmente cursa Gestão em Administração Pública na Universidade de Jaén, na Espanha, onde vive e mantém contato regular com o Brasil.

– Tive muitas matérias e oportunidades de desenvolver o conhecimento e, por meio da bolsa que a escola me deu para estudar na Espanha, minha vida mudou completamente. Sem o ensino integral, não seria possível aprender tanto – comentou João Victor.

AS MODALIDADES DE ENSINO INTEGRAL:

Interculturais – Esses colégios possuem parcerias com consulados, embaixadas e órgãos de representação governamental de 18 países e atendem mais de 6.700 alunos. São 27 unidades, em 12 municípios, oferecendo o aprendizado do idioma, da cultura, da culinária e do estilo de vida de cada país representado.

Unidades cívico-militares – A Seeduc conta com 16 unidades vocacionadas ao ensino cívico-militar, sendo 10 em parceria com a Polícia Militar e 6 com o Corpo de Bombeiros. Juntas, essas escolas atendem mais de 2.700 alunos em 15 municípios.

Escolas de Novas Tecnologias e Oportunidades – E>Tecs – As unidades contam com tela interativa nas salas de aula, chromebooks (computadores portáteis), internet de alta qualidade, área destinada à produção audiovisual, aulas de robótica e salas makers, que são espaços de criação.

Curso Normal (Formação de Professores) – Voltado para o público que quer entrar na área do magistério, o Curso Normal é responsável por formar os futuros professores da Educação Infantil e dos cinco primeiros anos do Ensino Fundamental. São várias as unidades que oferecem esse curso em todo o estado, como o C.E Sara Kubitschek, em Campo Grande, e o Instituto de Educação Carmela Dutra, em Madureira.