Início Plantão Rio Feira Nacional da Agricultura

Feira Nacional da Agricultura

650 expositores de todas as regiões do Brasil vão ao Rio de Janeiro para a sexta edição DA Feira Nacional DA Agricultura Familiar e Reforma Agrária (Fenafra), a conhecida Brasil Rural Contemporâneo. O evento, alojado na Marina DA Glória de quarta-feira (7/10) até o dia 12 de outubro, é uma iniciativa do Ministério do desenvolvimento Agrário, com o apoio do governo do Estado. É a segund avez que a cidade abriga a maior exposição e venda de produtos DA agricultura familiar na América Latina – nas outras quatro vezes, a sede foi Brasília.

A feira não só celebra nossa diversidade cultural. Além dos stands de moda, gastronomia, artesanato e muita música, sempre seguindo a temática DA sustentabilidade, é no espaço Rodada de Negócios que contratos diretos entre empreendimentos DA agricultura familiar e grupos compradores de redes de supermercados, hotéis e restaurantes são fechados. Para se ter ideia DA importância do evento, as outras cinco edições reuniram 2.350 empreendimentos agroindustriais e artesanais, e movimentaram R$ 40 milhões em vendas diretas.

O Brasil Rural Contemporâneo ocupa 25 mil metros quadrados na Marina, contando com seis espaços temáticos e sete espaços de redes cooperativas de associações. Cada local terá no máximo 16 expositores, onde o público pode ter contato com a produção dos agricultores e assentados DA reforma agrária.

Programação Cultural
Música é o qu não vai faltar nos dias DA feira – juntos, vão somar mais de 50 horas. São três palcos com shows diários: o Coreto, o Tablado de Raiz e o palco Multicultural.este último vai abirgar OS grandes nomes DA MPB com grupos de estilos musicais regionais, resultando em interessantes misturas.

No dia 7, às 21h, o show que abre o palco é o de Gilberto Gil, junto com Bule Bule e as Sambadeiras de Pojuca (BA), além do Jongo do Grupo Filhos de Marambaia (RJ). Às 23h, Carlinhos Brown convida o Grupo Zambiapunga (BA). BNegão e Os Seletores de Frequência e Otto sobem no palco dia 9.

Gabriel O Pensador canta dia 10, com OS grupos Feira Livre (RJ) e Bule Bule (BA). A atração internacional dessa área é o grupo de tango elétrico Tanghetto, DA Argentina.

Peças feitas a mão, como bolsas, colares e pulseiras feitas com pele de peixe, lã de carneiro ou crina de cavalo são atrações do programa `Talentos do Brasil`. A coleção desenvolvida por artesãs rurais, foi apresentada no prêt-a-Porter de Paris e tem o apoio de estilistas como Ronaldo Fraga. A COOPERUNIC, primeira cooperativa do Brasil a envolver 12 estados e 15 grupos de mulheres, será lançada na feira.

Na Praça dos Ofícios, peças produzidas de resíduos de matéria-primas encontradas nos biomas das regiões rurais.

Outra área que deve atrair OS ivisitantes é a DA gastronomia, apresentando a riqueza DA culinária brasileira. Diversos tipos de café, azeite de babaçu, castanha do cumbaru e cupulate são alimentos que devem chamar a atenção quem passar por lá.

Serviço
A venda de ingressos do Brasil Rural Contemporâneo já começaram. Ingressos somente para a feira custam R$ 5. Para também ir aos shows, a inteira é R$ 20. Os ingressos são vendidos na bilheteria DA Marina DA Glória.
Para a feira: menores de 12 anos entram acompanhados dos pais.
Para OS shows: menores de 16 anos entram na companhia dos pais.

 

 

Fonte: Drica – Brasil Rural