Início Destaque Flavio Canto lança startup de impacto social com metodologia focada na integração...

Flavio Canto lança startup de impacto social com metodologia focada na integração de classes

O modelo inédito tem como pilares: Construir, Conquistar e Compartilhar (3Cs)

O judoca Flavio Canto, ao lado do empresário Luciano Gomide, entra no universo corporativo e lança startup que tem como objetivo promover o desenvolvimento humano pelo esporte com integração social, escalando a metodologia para projetos pelo Brasil, unindo diferentes públicos. O judô será usado como ferramenta educacional na formação de crianças e jovens, unindo alunos de diferentes classes sociais.  O foco será disseminar o programa Brasil afora escalando o conceito One for One: a cada escola privada que incluir a metodologia na sua grade curricular, um projeto social será contemplado com a mesma metodologia e duas vezes por ano, esses grupos se encontrarão para eventos de integração.  Além disso, a startup traz um app em que os alunos poderão receber e trocar conteúdos entre eles, desde eventos até notícias de judô e esporte em geral.

“A Metodologia – O Caminho – baseia-se em três etapas: Construir, Conquistar e Compartilhar (3Cs). Seis valores são trabalhados de forma lúdica com os alunos:  Coragem, Humildade, Honra, Disciplina, Ippon (excelência) e Jita Kyoei (solidariedade). A cada seis meses, um deles é trabalhado de forma curricular na perspectiva dos 3Cs. No final de cada ciclo, no momento de compartilhar o respectivo valor do semestre, promovemos um evento de integração entre alunos praticantes da metodologia construindo pontes entre escolas privadas e projetos sociais. Por isso, gosto de acreditar que estamos desenvolvendo mais que uma metodologia, e sim, um projeto de sociedade”, explica o medalhista Olímpico Flavio Canto.

O sócio de Flávio Canto no projeto – Luciano Gomide – também tem o esporte no DNA, trilhando carreira no automobilismo quando mais jovem. Há pouco mais de 15 anos, é empresário no mundo automotivo com uma blindadora de veículos e uma empresa de direção defensiva. Juntos, eles atuam respectivamente como presidente e diretor executivo do Instituto Reação, ONG fundada por Flávio Canto, Geraldo Bernardes e amigos em 2003, e que atende cerca de 1800 crianças e jovens em comunidades do Rio de Janeiro e Cuiabá.

Além do Instituto Reação, a metodologia “O Caminho”, como é chamada, já está implementada em escolas particulares e tem planos de expansão para o próximo ano.

“Este ano estamos no Rio de janeiro e a ideia é a partir de 2020, irmos para outros estados, disseminando principalmente a nossa missão de integração de classes.  Aliada com conceitos que vão além do judô e buscam formar um cidadão melhor”, comentou Luciano.

Escolas privadas, condomínios residenciais, academias e clubes esportivos estão no radar estratégico da startup como potenciais clientes. E a cada negociação fechada, um projeto social pelo Brasil será contemplado diretamente com a metodologia, disseminando os valores e este currículo sócio-emocional para o maior número de pessoas possível.

“Trabalhamos na metodologia a cultura de que o sucesso não está ligado a quantidade de vezes que a gente se levanta, que é um grande ensinamento do judô, mas especialmente, a quantidade de pessoas que você levanta ao longo do caminho”,  completa Flávio Canto.

Mais informações: www.metodologiafc.com