Início Plantão Rio FUM5 termina com divulgação de novas ações

FUM5 termina com divulgação de novas ações

O encerramento do Fórum Urbano Mundial 5 foi marcado pela divulgação de novas ações para seguir adiante com a discussão sobre participação da sociedade civil e práticas sustentáveis inovadoras no desenvolvimento das cidades. Foram lançados campanha e site internacional dedicados ao tema.
 
A principal iniciativa foi o lançamento da “Campanha Urbana Mundial”, pela ONU-Habitat, com o intuito de envolver cada vez mais atores de governos locais e nacionais, setor privado e organizações da sociedade civil na adoção de práticas sustentáveis e democráticas para garantir o “direito à cidade”, estabelecido na Carta do Rio de Janeiro – documento aprovado ao final do evento.
 
A subsecretária geral da ONU-Habitat, Anna Tibaijuka, conclamou os participantes a “não se limitarem ao que discutiram e ouviram nesses cinco dias” e a levarem o conceito do fórum para seus países, para suas cidades.
 
O logo da campanha, “World Urban Campaign”, em inglês, também foi anunciado durante o encerramento. Seu criador, o português João Borges – vencedor de um concurso aberto com centenas de concorrentes –, desenhou um globo inspirado em “como vemos as cidades”, com pequenas imagens em cores diferentes representando as desigualdades, mas integradas, de forma a mostrar o objetivo “de convergência” do projeto.
 
A ONU-Habitat anunciou, para abril de 2011, a primeira reunião de outro projeto já em curso. A “Iniciativa das 100 Cidades”, criada com o propósito de estimular diferentes atores a contar suas histórias sobre como contribuir com municípios melhores e mais sustentáveis, terá seu encontro em Alicante, na Espanha. O convite foi feito pela prefeita da cidade espanhola, Sonia Castedo Ramos. “Pude ver aqui [no fórum] que cidades por todo o mundo têm problemas iguais. As soluções é que são diferentes, mas a vontade de solucioná-los também é a mesma; saio com esta certeza”, afirmou.
 
A internet ganhou espaço especial para quem quiser contar boas histórias sobre experiências inovadoras nas gestões de cidades. O site Citiscope (www.citiscope.org) foi divulgado por seu editor, Neil Pearce, do jornal americano Washington Post, que pediu colaborações de jornalistas de todo o mundo para escrever e divulgar histórias com este tema. “É algo que sinto falta de ler com mais frequência nas páginas”, resumiu.
 

Fonte: Ministério das Cidades