Início Plantão Rio Governador do Rio visita a Colômbia

Governador do Rio visita a Colômbia

O governador Sérgio Cabral vai conhecer nesta segunda-feira (16/04), em Medellín, as escadas rolantes urbanas – as primeiras deste tipo no mundo – e o Centro Integrado de Intervenção da comunidade chamada de Comuna 13. As experiências colombianas poderão servir de modelo para novas ações do Governo do Estado do Rio de Janeiro nas áreas de segurança pública e acessibilidade em comunidades carentes.

 

– Essa visita servirá para conferirmos os avanços conquistados pelo Estado e pela população da Comuna 13. Em 2007, estivemos lá e conhecemos muitas iniciativas que, depois, foram levadas ao Rio de Janeiro, como o teleférico do Complexo do Alemão, as bibliotecas-parque, e até mesmo uma primeira idéia para as UPPs, que depois adaptamos para a realidade do Rio. Hoje, a comunidade colombiana ganhou um projeto pioneiro de mobilidade com as escadas rolantes elétricas. Essa vai ser uma ótima oportunidade para entender melhor como o sistema funciona e qual as vantagens que traz para o dia a dia dos moradores – afirma o governador.

 

Também nesta segunda-feira, Cabral será apresentado às principais ações desenvolvidas pela Empresa de Desenvolvimento Urbano de Medellín (EDU), autarquia da prefeitura que é responsável por elaborar projetos urbanísticos e imobiliários na cidade. O projeto das escadas rolantes, que foram inauguradas no ano passado, foi feito pela EDU e beneficia diretamente 12 mil pessoas da localidade de Las Independencias, que fica na parte alta da Comuna 13. A comunidade tem cerca de 135 mil habitantes.

 

Depois do passeio pelas escadas rolantes, o governador assistirá a uma apresentação sobre a estratégia de segurança e combate ao crime de Medellín e irá visitar o Centro Integrado de Intervenção da Comuna 13. Inaugurado em 2010, o Centro é um espaço articulado de coordenação institucional criado para combater e desarticular o crime organizado, recuperando espaços públicos para a população. Até há pouco tempo, a comunidade era conhecida pela violência promovida por gangues e pelos constantes conflitos entre os criminosos e as forças de segurança estatais.

 

Fazem parte da comitiva da missão governamental a Medellín: o vice-governador e coordenador executivo de infraestrutura do Governo, Luiz Fernando Pezão; os secretários Hudson Braga (Obras), e Felipe Peixoto (Desenvolvimento Regional, Abastecimento e Pesca); e o presidente da Empresa de Obras Públicas do Estado (Emop), Ícaro Moreno.

 

Fonte: Governo do Estado do Rio de Janeiro