Início Plantão Rio Iniciada limpeza da área que abrigará a Linha 3

Iniciada limpeza da área que abrigará a Linha 3

O secretário de Transportes, Sebastião Rodrigues, acompanhou, nesta sexta-feira (14/5), o início dos trabalhos de limpeza dos 23 quilômetros da via férrea que será utilizada para a construção da Linha 3, que ligará Niterói a São Gonçalo. Além de manter a área da via férrea livre de lixo, lama e pedras, a ação também beneficiará a população local, que sofreu muito com as chuvas recentes. Durante a vistoria da limpeza, que será finalizada em 40 dias, o secretário ressaltou que esta é uma obra prioritária para sua gestão.
 
– Para solucionar os problemas de trânsito dessa região não existe outra solução a não ser integrar ônibus, metrô e barcas. Por isso, a construção da Linha 3 é um dos maiores interesses do Governo do Estado e vamos começá-la ainda este ano. Além disso, também vamos investir no aumento da capacidade das barcas para que elas possam suportar o volume de usuários e para que, assim, possamos fazer um trabalho de integração eficiente – explicou Sebastião Rodrigues.
Durante a inspeção, o secretário conversou com alguns moradores da região e os tranquilizou ao garantir que nenhum daqueles que ocupam a faixa de domínio da ferrovia, legalmente ou ilegalmente, será desamparado.
 
– O nosso interesse é que as residências no entorno sejam afetadas o mínimo possível. No entanto, as que estão nos terrenos da via férrea terão que ser desocupadas. Já foi feito um estudo que mostra quantas são e estamos analisando as soluções para esses moradores – disse o secretário, acrescentando que, antes de começar qualquer obra, a população local será avisada.
 
Sebastião Rodrigues também ressaltou a importância da Linha 3 do metrô para a valorização imobiliária da região. Os fatores positivos serão muitos, como a urbanização do local, a instalação de ciclovias e as proximidades com o Centro de Niterói e com a Ponte Rio-Niterói.
 
A Linha 3 será composta por 14 estações que ligarão Niterói a São Gonçalo. O percurso, que atualmente é feito em uma hora e 25 minutos, no horário do rush, será feito em apenas 20 minutos com a nova linha.

Fonte: Secretaria de Transportes