Início Plantão Rio Instituto Estadual de Cardiologia Aloysio de Castro promove evento para prevenir a...

Instituto Estadual de Cardiologia Aloysio de Castro promove evento para prevenir a hipertensão

 

O Instituto Estadual de Cardiologia Aloysio de Castro (IECAC) realizou, hoje, 26 de abril, Dia Nacional de Combate e Prevenção à Hipertensão, evento gratuito no Espaço Saúde da Cobal do Humaitá, na Zona Sul do Rio de Janeiro. Segundo o diretor do IECAC, Antonio Ribeiro, a população brasileira consome hoje, em média, uma quantidade de sal 15 vezes maior do que a recomendada, entre 15 e 30g por dia, fator que pressiona o sistema cardiovascular e faz muito mal à saúde, podendo levar à hipertensão arterial e causar outras doenças do sistema cardiovascular.

 

“No Brasil, cerca de 300 mil pessoas morrem por ano em virtude de doenças cardiovasculares. Deste total, 200 mil têm hipertensão. É preciso divulgar esses números para que a população tenha consciência da importância de prevenir a doença”, disse Ribeiro.

 

Entre 9h e 15 h, mais de 20 profissionais de saúde (médicos, enfermeiros, dentistas e nutricionistas) do IECAC atenderam cerca de 100 pessoas, com medição de pressão arterial, verificação de IMC (índice de massa corporal) e taxas de glicose e colesterol. A pedagoga Maria B. Ibarra, moradora do Humaitá, estava fazendo compras, decidiu conferir suas taxas e ficou surpresa quando viu o resultado da taxa de glicose. “Costumo me cuidar, mas ultimamente estou comendo muitos doces e preciso também reduzir o peso. Eventos como este são fundamentais para termos esta noção. Agora vou fazer uma dieta”, afirmou.

 

O representante de vendas, Sidnei Sousa soube do evento pelo rádio e aproveitou que estaria em Botafogo para comparecer e verificar suas taxas. “Costumo me alimentar bem e ando muito, mas minha taxa de colesterol deu uma leve alteração, porque minha mulher viajou e abusei um pouco nos últimos dias. Mas vou ao médico constantemente e sei que é importante manter o controle da pressão arterial. Vou seguir a recomendação médica e incluir mais caminhadas no meu dia a dia”, afirmou.

 

Além dos frequentadores da Cobal, funcionários do centro também aproveitaram as horas de folga para verificar suas taxas. João Gonçalves, administrador da Cobal, no Humaitá e no Leblon, há nove anos, apoia a realização de eventos que promovam a conscientização da população sobre cuidados com a saúde e incentiva que os profissionais que trabalham na Cobal compareçam. “Alguns profissionais identificaram problemas cardiovasculares em eventos promovidos aqui pelo IECAC e já estão frequentando o instituto para tratamento”, comentou.

 

O objetivo da atividade foi esclarecer dúvidas sobre os males que a hipertensão arterial pode causar à saúde, incluindo outros fatores de risco que levam às doenças cardiovasculares. Promovida pelo IECAC desde 2010, a ação também representa um alerta à população sobre os diversos males causados pela hipertensão, uma doença silenciosa que pode atingir até 30% das pessoas.



Assessoria de Comunicação

Secretaria de Estado de Saúde

[email protected]

(21) 2333-3717

Twitter: @SaudeGovRJ