Início Plantão Rio Moradores do Morro dos Macacos organizam casamento coletivo de policiais

Moradores do Morro dos Macacos organizam casamento coletivo de policiais

 

Os moradores do Morro dos Macacos, em Vila Isabel, na Zona Norte, organizaram um casamento comunitário para 12 casais de policiais, que trabalham da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da região. A cerimônia, que reuniu cerca de 400 convidados, foi realizada na Concha Acústica do Parque Recanto Trovador, no sábado (26/5).

 

O secretário de Segurança, José Mariano Beltrame, e o comandante-geral das UPPs, coronel Rogério Seabra, prestigiaram o evento. Segundo Beltrame, a aproximação da polícia com os moradores das comunidades pacificadas é válida.

 

– Estamos vivendo um momento ímpar não só para a PM, mas também para toda a população. Que isso sirva de exemplo para que a população conheça a favela, já que a favela conhece o restante da cidade – disse Beltrame.

 

A festa foi promovida e organizada pelos moradores que, em parceria com a Associação Comercial e Prestadores de Serviços da Comunidade Morro dos Macacos e o RIOSOLIDARIO, conseguiram pagar desde o bufê até o aluguel do vestido e maquiagem das noivas. Celebrada pelo pastor capelão da PM Tenente Douglas, a cerimônia religiosa durou pouco mais de uma hora. Para subir ao altar, as noivas escolheram a tradicional Marcha Nupcial, executada pela Banda Sinfônica da PMERJ.

 

– Sempre sonhei em casar vestida de noiva, mas nunca imaginei que seria numa cerimônia comunitária, organizada pelos moradores da comunidade onde eu trabalho. É um momento para confraternizarmos juntos – afirmou a policial militar Drieli Rodrigues, de 24 anos, que atua na UPP dos Macacos organizando eventos de integração da polícia com a comunidade.

 

A dona de casa Isabel da Silva Ferreira, de 34 anos, se casou com o soldado Rodrigo Antunes, de 32. Juntos há 14 anos, são pais de Adrielle, 10 anos, e Isabelle, de oito meses. Para o soldado Rodrigo, o casamento comunitário marca a confraternização entre moradores e policiais.

 

– Comentei com alguém que tinha vontade de realizar o sonho da minha mulher e percebi que outros colegas também gostariam de oficializar a relação. A notícia se espalhou e a comunidade se uniu para realizar o nosso sonho – afirmou o soldado.

 

A UPP do Complexo dos Macacos, instalada em novembro de 2010, beneficia 27 mil pessoas. Ao todo, 228 policiais trabalham no local.

 

– O primeiro casamento comunitário de moradores das áreas pacificadas também foi realizado no fim do ano passado. Agora é a vez dos PMs. Isso é fruto do trabalho da UPP – afirmou o comandante da UPP do Morro dos Macacos, capitão Felipe Barreto.

 

Fonte: Governo do Rio