Início Plantão Brasil Pesquisa Sebrae-MG mostra otimismo

Pesquisa Sebrae-MG mostra otimismo

As previsões econômicas para as pequenas indústrias de transformação mineiras no segundo trimestre são otimistas. A pesquisa de Sondagem Trimestral, realizada pelo Sebrae-MG e Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais (Ipead), aponta que 92,9% dos empresários prevêem estabilidade ou aumento do faturamento no segundo trimestre.  

A pesquisa mostra a expectativa dos empresários para abril, maio e junho deste ano e a avaliação do primeiro trimestre de 2010, quando o faturamento e o número de empregados diminuíram. Foram entrevistados 816 empresários dos segmentos de metalurgia, móveis, alimentos, minerais não-metálicos, calçados, artefatos de couro e confecção.  

Os empresários mais otimistas, que esperam aumento do faturamento, são dos setores de confecção (60,5%), calçados e artefatos de couro (50,8%) e minerais não metálicos (43,4%).   

As expectativas em relação ao emprego, preços e à produção também são positivas. Mais da metade dos empresários esperam manter o número de funcionários e a maioria acredita na estabilidade da produção física e dos valores dos produtos.  

Números 

2º trimestre de 2010 

Faturamento

49,6% dos entrevistados acreditam em estabilidade

43,3% dizem que vai aumentar

Produção

55,2% dos empresários apontam manutenção

38,5% acreditam em crescimento

6,3% esperam redução

Emprego

80,4% apontam estabilidade

Preços

89,7% acreditam em manutenção

9,4% em aumento

0,9% em redução

1º trimestre de 2010

11,3% de queda no faturamento

38,7% dos entrevistados afirmaram que produção será mantida

2,7% de diminuição da utilização da capacidade instalada

2,1% de queda no número de postos de trabalho

16% de diminuição com despesas de pessoal 

Fonte: Assessoria de Imprensa do SEBRAE-MG