Início Plantão Rio Petrópolis recupera o seu potencial agrícola com incentivos do estado

Petrópolis recupera o seu potencial agrícola com incentivos do estado

O município de Petrópolis, na Região Serrana fluminense, foi um dos beneficiados pelas ações de recuperação produtiva do setor agrícola, promovidas pela Secretaria de Agricultura, após a tragédia climática de janeiro do ano passado. Conhecida nacionalmente pela sua importância histórica e também por suas belezas naturais, a Cidade Imperial possui a agricultura como uma importante atividade econômica.

 

 

As áreas rurais da microbacias Caxambu e Brejal são importantes centros de produção agrícola na região. Brejal, no distrito da Posse, é fonte de matériaprima para o polo gastronômico de Petrópolis e para feiras e supermercados da capital fluminense, além das cidades vizinhas. Destaca-se pela produção de ervas finas, trutas e outros peixes, escargots, verduras e legumes orgânicos, criação de cavalos e artesanato.

 

 

Agricultor ganhou R$ 5 mil O agricultor Geraldo Alexandre da Silva vive com a família há 17 anos no Brejal e sempre se dedicou à produção de orgânicos. Atualmente, seus produtos são escoados para o Rio de Janeiro, e abastecem quatro feiras especializadas da Zona Sul. Em função das chuvas de janeiro de 2011, praticamente toda a produção foi perdida. Três meses depois, o agricultor conseguiu voltar a produzir.

 

 

Ele teve apoio financeiro do Rio Rural, de R$ 5 mil, não reembolsáveis, e assistência técnica da Emater-Rio para retomar sua atividade. Além disso, recebeu o crédito emergencial do Pronaf e um kit de insumos agrícolas oferecido pela Prefeitura de Petrópolis. Com o recurso financeiro, foi possível adquirir sementes, equipamentos de irrigação, mudas e outros insumos.

– Essa ajuda foi fundamental para a minha recuperação. Como fui criado na lavoura, nunca pensei em desistir, nem em deixar de trabalhar com os orgânicos – disse Geraldo.

 

 

De acordo com o técnico executor do programa Rio Rural em Petrópolis, André Luís Caldas Azevedo, o município recebeu mais de R$ 85 mil do Rio Rural Emergencial para 17 projetos de reconstrução da atividade rural. Paralelamente, 102 agricultores familiares também tiveram acesso à linha de crédito emergencial do Pronaf, no valor de R$ 2 mil, e a prorrogação, por 180 dias, do vencimento das outras linhas de crédito rural.

 

Fonte: Governo do Rio