Início Plantão Brasil PLANTÃO BARRA: Centro Aberto de Mídia é inaugurado no Rio

PLANTÃO BARRA: Centro Aberto de Mídia é inaugurado no Rio

Por Graça Paes, RJ

 

IMG_7698 - Copia - Graça Paes

 

Na tarde de segunda-feira, dia 9 de junho, restando poucos dias do início da Copa do Mundo, o governador Luiz Fernando Pezão voltou a afirmar que a segurança do estado está pronta para receber mais um grande evento no Rio, a Copa do Mundo, durante a coletiva de imprensa de abertura do CAM – Centro Aberto de Mídia, realizada no Forte de Copacabana, na Zona Sul do Rio. O espaço foi preparado para receber a imprensa nacional e internacional que estiver no Rio de Janeiro durante a Copa do Mundo da Fifa 2014. E, já na abertura enfrentou problemas com o acesso a internet, e um auditório que não comportou a mídia presente ao evento.

 

 - Graça Paes

– Nós teremos segurança suficiente para a Copa do Mundo. Há uma forte união com a prefeitura, o governo federal, as Forças Armadas, a Polícia Federal, a Força Nacional de Segurança, as polícias Civil e Militar e com todos os órgãos de segurança – garantiu o governador.

IMG_7716

 

Pezão destacou ainda que o grande legado que ficará para o Rio de Janeiro, e não apenas para a Copa ou para as Olimpíadas, é a política de pacificação.     “O grande legado que nós vamos deixar é para mais de 1,5 milhão de pessoas, que é a pacificação, que nós promovemos ao longo desses 7 anos e 5 meses. Nós queremos continuar com a política de pacificação”, afirmou.

 

IMG_7717

Pezão lembrou ainda que o Rio de Janeiro já tem a tradição de receber grandes eventos e sem ocorrências.  “O Estado do Rio de Janeiro recebe o Réveillon com 3 milhões de pessoas. Tivemos a Rio+20, a Jornada Mundial da Juventude, com 3 milhões de pessoas. Eu tenho certeza de que nós vamos fazer a segurança durante a Copa do Mundo com muita tranquilidade”, disse ele.

 

Ao ser perguntado sobre a despoluição da Baía de Guanabara, Pezão disse que a meta do governo do estado é chegar a 80%. “Os investimentos e obras previstos são para atingirmos a essa meta. Trabalharemos para isso. Agora, aqui no Brasil há muito empecilhos. A reforma do Maracanã, por exemplo, havia descrença quanto ao prazo de entrega, e nós entregamos no prazo um estádio moderníssimo. Por outro lado, temos obras que não conseguimos atingir a meta, como é o caso do Arco Metropolitano. Vamos entregá-lo em julho, mas nossa meta era antes da Copa. Ficamos um ano e meio discutindo a questão ambiental”, pontuou.

 

 

Centro Aberto de Mídia João Saldanha

IMG_7658

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, a ministra da Cultura, Marta Suplicy, o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência, Thomas Traumann, e o presidente da Rio Eventos, Leonardo Maciel, também estiveram presentes à abertura do Centro Aberto de Mídia João Saldanha.

 

 IMG_7725

 

O espaço irá receber a imprensa nacional e internacional que estiver no Rio de Janeiro durante a Copa do Mundo da Fifa 2014. O Centro Aberto de Mídia funcionará até o próximo dia 14 de julho, no Forte de Copacabana.

 

⇀O espaço foi muito bem preparado para receber todos os jornalistas, além de contar com uma das mais belas paisagens do país. Aqui eles terão toda a estrutura necessária para transmitir os jogos, além de participarem de outras atividades. Tenho certeza de que a Copa será um sucesso e irá encantar a todos nós ⇀ afirmou o governador. 

 

IMG_7690 - Graça Paes

No evento o ministro Aldo Rebelo ressaltou que os investimentos para a Copa foram divididos em dois segmentos. “Um deles é a construção dos estádios, que não têm dinheiro do governo federal a não ser empréstimos concedidos pelo BNDES mediante todas as garantias exigidas de qualquer tomador. Os outros investimentos são em mobilidade urbana, a maioria de obras já previstas no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) que foram antecipadas para permitir que a Copa do Mundo fosse realizada sob melhores condições. São investimentos em torno de R$ 17 bilhões nas 12 cidades-sede desde 2007 até os dias de hoje. E as obras que não foram entregues continuarão sendo executadas até o fim do ano ou quando puderem ser concluídas”, disse ele.

 

IMG_7682

Para o ministro o País vai oferecer na Copa do Mundo não apenas as condições materiais para a realização de um grande evento, mas acima de tudo oferecer a forma calorosa como o povo brasileiro recebe os visitantes, recebe os estrangeiros. Acho que todos os que nos visitarão durante a Copa poderão testemunhar esse traço e essa característica do nosso povo.

 

 

O Centro Aberto de Mídia é um espaço multiuso com instalações adequadas para o trabalho dos profissionais de imprensa, com acesso à rede de internet e banda larga gratuita, estações de trabalho com equipamentos para uso compartilhado, telões para acompanhamento dos jogos, auditório, estúdios de rádio, serviços de transmissão e ambiente para geração de imagens.
 

 

CONFIRA MAIS FOTOS:

 

FOTOS GRAÇA PAES/PORTAL AIB NEWS