Início Plantão Barra População do Rio recebe mais uma expansão do Parque Madureira

População do Rio recebe mais uma expansão do Parque Madureira

 Fotos: Beth Santos e Paula Johas

 

No dia 4 de setembro, domingo, o Parque Madureira ganhou  mais um quilômetro de extensão. Agora, a área de lazer totaliza 3,15 quilômetros e chega ao bairro de Honório Gurgel. Além de oferecer à população local uma imensa área de convivência, o espaço promete ser a mais nova sensação dos amantes do esporte. Além de abrigar a primeira quadra pública oficial de tênis, um paredão anexo para treinamento e toras para prática deslackline, o complexo de skate da área de lazer conta com a maior pista pública de Half Pipe (pista vertical) do mundo, idealizada pelo campeão mundial Bob Burnquist, skatista brasileiro que mais vezes conquistou o X Games.

 

 

 

Para proporcionar o melhor aproveitamento do espaço e a realização de pequenos eventos, a população também dispõe de áreas de contemplação ao ar livre, que conta com pérgolas para maior conforto térmico, além de duas regiões para piqueniques, com oito mesas cada. E com o intuito de imortalizar os primeiros Jogos Olímpicos da América do Sul, cinco círculos de 13,75 metros de diâmetro foram reproduzidos no chão em lagos com chafarizes, inspirados nos aros olímpicos doados pelo governo inglês e já instalados no primeiro trecho do Parque Madureira.  A superestrutura do Half Pipe é construída sob uma cobertura de aproximadamente 3.500 metros quadrados, que abriga uma enorme área de convivência com espaço previsto para arquibancadas, a pista está preparada para receber futuras competições.

 

 

Com estrutura metálica e piso em madeira especial, a pista tem dimensões impressionantes, com níveis diferentes de descida, permitindo variações de velocidade: 1​8,7 metros de largura, 25 de comprimento e ​5,70 de altura. Ao lado dessa grande estrutura há ainda o complexo de skate básico, uma pista para iniciantes com cerca de 1.000 metros quadrados.   – É a primeira vez que testo a nova rampa e está incrível. A instalação da pista bowl no primeiro trecho do parque já foi um marco. Com a modalidade vertical, então, só posso dizer que é um sonho realizado para o skate brasileiro. Além disso, a pista para iniciantes será o celeiro de muitos talentos, que estarão de olho nos próximos Jogos Olímpicos – falou Bob Burnquist. 

 

 

Outra modalidade contemplada nessa nova etapa da expansão é o tênis. Desconstruindo o estigma elitista do esporte, o Parque Madureira recebeu a primeira quadra pública oficial da Zona Norte, com direito a paredão anexo para treinamento.  E o tênis de mesa também está representado na expansão: duas mesas com dimensões oficiais, em aço inox e tampo de vidro estão disponíveis no local. Para utilizá-las, basta que os frequentadores levem os seus equipamentos pessoais (raquete e bola).

 

 

Pensando nos adeptos do slackline, esporte em que o praticante se equilibra e faz manobras sobre uma fita elástica esticada entre dois pontos fixos, o projeto reservou a fixação de 1​3 toras de madeira ao chão que permitem a instalação dos elásticos especiais para a prática do exercício em diferentes níveis.  – O que se ganhará em qualidade de vida aqui será impressionante. É um lugar que vai atrair famílias de outros bairros e, sem dúvida, promover a integração entre cariocas das mais variadas tribos – falou Carlos Alberto de Bastos, de 56, anos, morador de Rocha Miranda. 

 

A Zona Norte ganha também mais um refresco para as altas temperaturas, a exemplo da cascata e da Praia de Rocha Miranda, esta segunda etapa da expansão oferece uma espécie de cachoeira urbana. A escadaria molhada ocupa uma área de 125,6 metros quadrados, abrigando cerca de 100 pessoas que podem se banhar simultaneamente na queda d’água com 3,5 metros de altura. Para o seu funcionamento, são necessários 15 mil litros de água, que são filtrados por bombas, garantindo a qualidade, tal como ocorre em um sistema de piscinas.

 

 

 

 

 

Também foram construídos mais seis quiosques com palcos para atrações musicais, quatro banheiros e uma quadra poliesportiva. A área de lazer neste novo trecho conta ainda com ​um espaço fitness e ​uma Academia Carioca, com equipamentos totalmente acessíveis e adaptados para todas as idades: supino alto; supino inclinado; simulador de remada e puxada alta. Todos propiciam o trabalho das musculaturas do pescoço, costas, tronco e membros inferiores. 

 

 

 

 

A ampliação do Parque Madureira foi pensada também para garantir o acesso e a diversão de cadeirantes e deficientes visuais​. Toda a extensão da nova área do parque contará com percursos e equipamentos acessíveis, com sinalização adequada e rampas – em conformidade com as normas técnicas, garantindo o acesso dos visitantes. Na maior parte das travessias das ruas foi adotada a técnica traffic calm, em nível, facilitando os acessos, totalizando 2.810 metros lineares de trilha acessível ao término da ampliação. Além disso, deficientes visuais poderão se localizar por meio de pisos e mapas táteis, que estarão disponíveis em toda a área. Nos banheiros públicos, foram instalados sanitários para cadeirantes e os bebedouros são totalmente acessíveis. 

 

 

Primeiro parque público do Brasil com certificação AQUA (selo de sustentabilidade da Fundação Vanzolini), o primeiro trecho do Parque Madureira foi inaugurado em 2012 e reúne diversas opções de lazer, esporte e cultura. Atualmente é a quarta maior área verde da cidade, menor apenas que o Aterro do Flamengo, Quinta da Boa Vista e Parque Radical de Deodoro. 

 

Entre as suas atrações estão uma ciclovia, circuito de skate, quadras de vôlei, vôlei de areia, basquete e futebol, playgrounds, academia ao ar livre e academia para a terceira idade. Reforçando a identidade e a tradição do bairro, o Parque Madureira conta ainda com a Praça do Samba, um espaço com palco, concha acústica e arquibancadas para a realização de shows e apresentações culturais. O local também abriga uma Nave do Conhecimento e uma Arena Cultural.

 

 

 

A ampliação do Parque Madureira seguirá até Guadalupe totalizando 4,5 km de área de lazer até dezembro deste ano. Com isso, o parque beneficia diretamente nove bairros da Zona Norte: Turiaçu, Oswaldo Cruz, Rocha Miranda, Barros Filho, Bento Ribeiro, Honório Gurgel, Marechal Hermes, Madureira e Guadalupe.