Início Plantão Barra Prefeito dá início as obras da Transcarioca

Prefeito dá início as obras da Transcarioca

Na manhã desta quinta-feira, dia 17 de março, o prefeito da cidade do Rio de Janeiro deu início às intervenções para a implantação do corredor expresso exclusivo, para ônibus articulados (BRT), que vai ligar a Barra da Tijuca ao Aeroporto Internacional Tom Jobim, com a construção do mergulhão do Largo do Campinho, em Madureira. Este procedimento faz parte do primeiro lote da Transcarioca. Neste lote, a via vai passar pela Barra da Tijuca, Jacarepaguá, Curicica, Taquara, Tanque, Praça Seca, Campinho, Madureira, Vaz Lobo, Vicente de Carvalho, Vila da Penha e Penha.

Na apresentação do projeto, estavam presentes, além do prefeito do Rio, o secretário municipal de obras, Alexandre Pinto, o vereador e secretário da casa civil municipal, Luiz Antônio Guaraná, o subprefeito da Barra, Jacarepaguá e Vargens, Tiago Mohamed, o subprefeito da Zona Norte, André Luiz dos Santos, o deputado federal, Pedro Paulo, o deputado estadual, Pedro Fernandes, a velocista, Bárbara Leôncio, que virou símbolo do esporte brasileiro em Copenhague (Dinamarca), na eleição do Rio de Janeiro como sede da Olimpíada-2016, além de líderes comerciais e comunitários da Zona Norte, de Madureira e da Praça Seca.

Para o prefeito, esta obra é um desafio e a materialização de uma de suas promessas,  realizada ainda em 1992, quando então, assumia a subprefeitura da Barra e de Jacarepaguá. “Esta é a primeira vez, nos últimos 60 anos, desde o governo de Carlos Lacerda, que a cidade passa por uma revitalização, (transformação urbanística, mudança em todo o sistema de transporte e adequação viária). A Transcarioca, antigo Corredor T5, é uma obra difícil, talvez seja por isso que ninguém mexeu. Até agora, já foram mais de 3000 desapropriações. Sabemos que o procedimento vai ocasionar muitos problemas no trânsito, até sua conclusão num período de três anos, mas esta obra faz parte do ideal para reconstruir a cidade”, declarou Paes.

Para o subprefeito, Tiago Mohamed, a construção da Transcarioca é o atendimento à uma reivindicação antiga, principalmente dos moradores de Jacarepaguá. “A construção desta obra, antigo Corredor T5, é um dos desafios assumidos pelo prefeito, desde sua gestão como subprefeito em 1992. É a prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, promovendo uma mudança real, principalmente no sistema de transporte da cidade, com as integrações intermodais, principalmente em Jacarepaguá, onde a população sofre com a deficiência de transporte”, declarou Mohamed. 

Além da ampliação da via, a obra do Lote 1 inclui sete pontes, dois mergulhões na Barra (um na altura do ‘Cebolão’ da Avenida Ayrton Senna e outro na Avenida Via Parque), quatro viadutos, uma passagem inferior e a urbanização da área adjacente. O custo deste lote é de R$798, 4 milhões.

Ao todo serão 45 estações, três terminais para embarque e desembarque de passageiros, nove pontes, três mergulhões, dez viadutos, duplicação de pistas e projetos de urbanização das eras adjacentes. Para executar a obra, a Secretaria Municipal de Obras- SMO dividiu a licitação em dois lotes. O segundo lote contempla o traçado entre o bairro da penha e o Aeroporto Internacional Tom Jobim.

A previsão é de que a Transcarioca esteja pronta e operando em 2014, a tempo para outro grande evento na cidade, a Copa do Mundo de Futebol. Até lá, as 45 estações, 4 terminais para embarque e desembarque de passageiros, 9 pontes, 4 mergulhões, 10 viadutos, duplicação de pistas e projetos de urbanização das áreas adjacentes estarão concluídos.

VEJA O VÍDEO DA OBRA

 

Fonte: Aib – Plantão Barra – Graça Paes