Início Plantão Rio Reabertura com espetáculo da Orquestra Sinfônica

Reabertura com espetáculo da Orquestra Sinfônica

Quem entrava no novo Theatro Municipal para assistir à sua reinauguração oficial, não se envergonhava de ‘sacar’ a máquina fotográfica para registrar o belo restauro da casa centenária. Em obra por dois anos e meio, sob os cuidados de 950 operários, entre eles, 350 restauradores, o palácio recebeu, na noite desta quinta-feira, para uma grande festa, autoridades e artistas como o presidente Luís Inácio Lula da Silva, o presidente da Câmara, Michel Temmer, o cartunista Ziraldo, entre muitos outros admiradores. O evento de reabertura do palácio, inaugurado em 1909, contou com apresentações da Orquestra Sinfônica, do pianista Nelson Freire, da bailarina Ana Botafogo, e de cantores de ópera como Chiara Taigi e Alfred Kim.

“Este é mais um degrau na autoestima do Rio de Janeiro. Nosso povo tem que se respeitar cada vez mais. Viva o Rio, viva o Theatro Municipal”, disse Cabral, ao agradecer, em seu discurso, aos que se dedicaram à revitalização do teatro como a presidente da Fundação Theatro Municipal, Carla Camurati, e o ministro da Cultura, Juca de Oliveira.

“Chamei os operários da obra para um café da manhã e disse a eles que não podíamos deixar o teatro daquela maneira. Mais uma vez, depois da reforma do Maracanã para os Jogos Pan-americanos, o presidente Lula apareceu como nosso parceiro. Quero agradecer imensamente”, acrescentou.

Espetáculo da noite

A partitura original do Hino Nacional brasileiro foi tocada pela Orquestra Sinfônica e pelo Coro do Theatro Municipal sob a regência do Maestro Roberto Minczuk. Em seguida, foi apresentado um trecho da Alvorada, ópera Lo Schiavo de Carlos Gomes, também com a Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal, desta vez sob a regência do Maestro Silvio Viegas.

A Lenda do Caboclo, de Heitor Villa-Lobos e Barcarola op. 60 de Frédéric Chopin foram tocadas pelo pianista Nelson Freire. O público presente assistiu em seguida ao balé Something Special (coreografia de Dalal Achcar), com os bailarinos Ana Botafogo e Andrea Volpintesta acompanhados pelo pianista Arthur Moreira Lima. Por fim, os espectadores puderam assistir a seleções da ópera O Trovador, de Giuseppe Verdi, com a Orquestra Sinfônica e o Coro do Theatro Municipal com a participação de alguns solistas, entre eles, a soprano italiana Chiara Taigi e o tenor coreano Alfred Kim.

Fonte: Secretaria de Cultura