Início Plantão Rio Rio de Janeiro vai sediar Fórum Mundial da Ciência em 2013

Rio de Janeiro vai sediar Fórum Mundial da Ciência em 2013

Rio de Janeiro

 

 

Em novembro de 2013, o Rio de Janeiro será sede de mais um grande evento, o Fórum Mundial da Ciência. Ainda sem data e local definidos, o encontro reunirá grandes nomes da área científica brasileira e internacional para debater o papel da ciência para o desenvolvimento global.
 

Criado em 1999, o fórum é realizado a cada dois anos em Budapeste, na Hungria. A próxima edição será a primeira realizada em outro País. Em 2009, representantes da América Latina solicitaram que o encontro ocorresse alternadamente em outras capitais do mundo, que têm lugar de destaque na área de ciência, tecnologia e inovação. Com apoio da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco), o Brasil foi escolhido devido à relevante atuação da Academia Brasileira de Ciências (ABC) nos últimos anos, representando a produção nacional nas principais instituições e fóruns internacionais.
 

Para o secretário de Ciência e Tecnologia, Alexandre Cardoso, a realização do fórum contribuirá ainda mais para desenvolver e estimular as pesquisas em ciência no Rio de Janeiro, transformando o Estado num polo de inovação.

– A realização do Fórum Mundial de Ciência vai impulsionar a ideia de transformar a cidade no principal polo científico do país. Vários prêmios Nobels estarão aqui, o que dará projeção internacional ao Rio no meio científico. Além disso, a Academia Brasileira de Ciência terá sua sede na capital. Recentemente, o Estado doou um prédio, tombado pelo Inepac, para ser reformado e ocupado pela academia. O governo está contribuindo para fazer do Rio um estado de convergência da Ciência – diz Cardoso.

Presidente da ABC, o professor Jacob Palis destaca que a importância fundamental para a ciência brasileira que o País sedie um evento como o fórum, e reafirma o vigor do avanço das áreas de Ciência, Tecnologia e Inovação no Brasil. A instituição organiza uma série de reuniões regionais para construir a agenda que será apresentada durante o Fórum Mundial da Ciência, além de divulgar a realização do evento.

– No fim de agosto, estaremos em São Paulo reunidos com cientistas das principais instituições de ciência, tecnologia e inovação acolhendo temas para incluir na programação. O primeiro encontro com os representantes do Comitê Científico Internacional e da Academia de Ciências da Hungria, que organiza o fórum, será no dia 18 de junho, durante a Rio + 20, é já temos reuniões marcadas em Manaus, Recife, Salvador, São Paulo, Porto Alegre e Brasília, todas com o apoio do Ministério da Ciência e Tecnologia – enumerou Palis.

 

Fonte: Governo do Estado