Início Plantão Rio Secretaria de Educação faz balanço de governo

Secretaria de Educação faz balanço de governo

Em três anos de gestão do governador Sérgio Cabral, sete escolas foram entregues e mais nove serão inauguradas ainda este ano no Estado do Rio de Janeiro. Com esta declaração, a secretária de Educação, Tereza Porto, iniciou a apresentação do balanço da Secretaria de Educação (Seeduc) em 2009 e os rumos da pasta em 2010. A reunião aconteceu no prédio anexo do Palácio Guanabara.

Durante a apresentação, Tereza Porto destacou que a secretaria passou por uma modernização total na rede. Através do Conexão Professor, aconteceu a distribuição de 50 mil notebooks; no Conexão Escola há 1.7 mil laboratórios de informática com banda larga, e no Correio @ Escola há 1.5 mil contas de emails para alunos, professores e diretores.

– A Secretaria de Educação avançou bastante na modernização da gestão e, principalmente, na oferta de ferramentas tecnológicas para apoiar o processo de aprendizagem. Hoje, todos os nossos professores da rede possuem notebooks e todas as escolas possuem laboratórios com banda larga. Esta iniciativa foi uma grande conquista para o Estado – explicou a secretária.

Atualmente, o retrato geral da Secretaria de Educação nos 92 municípios do estado do Rio, é de 1.248.588 alunos, 72 mil professores e 1.537 escolas. Na gestão da rede de ensino, há 30 coordenadorias regionais e uma coordenadoria especial responsável por 18 escolas (penitenciárias e sócio-educativas). Tereza Porto lembrou que, durante oito anos, o salário dos professores não sofria reajuste.

– Avançamos muito na contratação de novos profissionais. Vinte e sete mil e novecentos professores foram contratados na administração do governador Sérgio Cabral. Isto é importantíssimo. Precisamos ter professores em sala de aula, isto foi um grande avanço. Conseguimos dar reajuste salarial e valorizar o profissional de educação. Estamos aproximando as nossas escolas da Secretaria de Educação para que todos juntos consigam oferecer educação de qualidade e escola digna que o nosso aluno merece – explicou a secretária.

No setor de infraestrutura da rede estadual de ensino, foi realizado o Projeto Climatizar que consiste na adequação climática de 16 mil salas de aula, beneficiando 980 escolas e aproximadamente 900 mil alunos. Também foi feita a distribuição do sistema de som através de kit´s contendo amplificadores para todas as salas de aula, beneficiando mais de 60 mil professores.

Ainda no setor de obras, há o Projeto SOS Escola que atende por intervenções emergenciais com a realização de pequenas reformas, beneficiando 300 escolas ao longo do ano e 89 escolas foram reformadas. Também foram realizadas correções de problemas acústicos existentes dentro das salas de aulas dos 320 Ciep´s do Estado.

Tereza Porto revelou que desde o ano de 1986, 20 mil pedidos de aposentadorias estavam parados. A secretária divulgou que atualmente, além de todos os processos estarem totalmente dentro do prazo, o tempo médio para a duração deles é de 10 dias.

Nas cinco escolas do Ensino Médio Integrado, duas delas contam com a parceria do setor privado: Nave (Núcleo Avançado em Educação) e a Nata (Núcleo Avançado em Tecnologia do Alimento). No Ensino Médio Inovador: 16 escolas piloto, parceria com o Ministério da Educação (MEC), formação continuada intensiva através da Casa do Educador, 20% das disciplinas do Ensino Médio para o aluno, e eixos norteadores na área de tecnologia, ciências, cultura e trabalho.

Novo Degase
O resultado da parceria da Secretaria de Educação com o Departamento Geral das Ações Socioeducativas (Degase), resulta na construção do novo Centro de Recepção; na reforma total do Centro de Recursos Integrados de Atendimento ao Adolescente (Criadd), em Nilópolis e Campos; na municipalização das medidas de meio aberto; no Sistema de Identificação do Adolescente; entre outras iniciativas.

Fonte: Governo do Rio