Início Plantão Rio Stand divulga renda melhor jovem em ação global na mangueira

Stand divulga renda melhor jovem em ação global na mangueira

 

 

Alunos do Ensino Médio de escola estaduais beneficiados pelo programa Cartão Família Carioca, da Prefeitura do Rio, puderam tirar dúvidas sobre o Renda Melhor Jovem durante a Ação Global, evento promovido pela Rede Globo e o Serviço Social da Indústria (Sesi), na Vila Olímpica da Mangueira. No estande da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos, em parceria com a Secretaria de Educação, os estudantes tiveram a oportunidade de cadastrar o número do CPF no site do programa.

 

– Nosso objetivo é divulgar o Renda Melhor Jovem e informar aos estudantes quem tem direito e como devem proceder para receber o benefício. Fizemos uma parceria com a Secretaria de Educação, que mobilizou os diretores e alunos de escolas próximas para que viessem tirar suas dúvidas e se cadastrar no site – explicou a superintendente de Integração dos Programas da Secretaria de Assistência Social, Patrícia Audi.

 

Aluno do 2° ano do Ensino Médio, Maycon Carvalho Costa, de 16 anos, foi um dos atendidos na tenda montada na Ação Global.

– Fiquei sabendo do programa através do diretor da minha escola e hoje vim aqui para saber o que tenho que fazer. Me informaram que tenho que pegar o número da minha matrícula da escola na carteirinha ou com o diretor e cadastrar o meu CPF no site do Renda Melhor Jovem. Depois é só esperar eles me enviarem um torpedo ou um e-mail dizendo em que agencia do Banco do Brasil tenho que abrir a conta. Com esse dinheiro pretendo iniciar uma faculdade – disse o rapaz.

Jeniffer Silva Dantas de Souza, 20 anos, estudante do 3° ano do Ensino Médio também fez o cadastro no site do Renda Melhor Jovem durante a Ação Global.

– Fiquei sabendo do programa na escola e vim fazer o meu cadastro. Esse dinheiro será importante para fazer o meu curso de montagem e manutenção de micro – disse Jeniffer.

O Renda Melhor Jovem é uma poupança-escola anual, destinada aos jovens integrantes de famílias beneficiadas pelo Renda Melhor e o Cartão Família Carioca, que estejam matriculados na Rede Regular de Ensino Médio Estadual e que tenham até 18 anos incompletos.

O estudante receberá o benefício ao ser aprovado no fim de cada ano letivo, da seguinte forma: ao concluir a 1ª série, recebe R$ 700; ao concluir a 2ª série, recebe R$ 900; e a 3ª série, recebe R$ 1 mil. Caso curse Ensino Profissionalizante, em quatro anos, ao final do último ano, o estudante receberá ainda R$ 1,2 mil.

Com a conclusão do Ensino Médio, o beneficiado poderá receber ainda mais R$ 500 adicionais, caso apresente bom desempenho na prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Os valores são depositados em conta poupança no Banco do Brasil e o jovem pode sacar até 30% do benefício anualmente. O saldo total, corrigido ao longo dos anos, só pode ser sacado após a conclusão do Ensino Médio. Mais do que incentivar a permanência do jovem na escola, o Renda Melhor Jovem busca contribuir para a redução da repetência e da defasagem idade-série, melhorando os índices de qualidade do aprendizado e estimulando a conclusão do Ensino Médio

Para se manter no programa, além de ser aprovado, o estudante deve realizar a prova anual do Sistema de Avaliação da Educação do Estado do RJ (Saerj), tendo que justificar sua ausência, em caso contrário. Também é obrigação do aluno realizar mais de dois terços das avaliações bimestrais estaduais (Saerjinho) por ano – proporcionais ao mês de adesão ao Programa -, além de realizar, nos anos subsequentes ao ano de adesão, mais de duas avaliações bimestrais estaduais (Saerjinho) por ano. Além disso, o estudante perde o direito de receber o benefício se tiver que cumprir medida socioeducativa ou condenação penal a partir da adesão ao programa.

O endereço do site do Renda Melhor Jovem é www.rendamelhorjovem.rj.gov.br. Os estudantes que não têm CPF precisam retirá-los nas agências dos Correios, Banco do Brasil ou Caixa Econômica Federal.

 

 

Fonte: Governo do Rio